A maior rede de estudos do Brasil

Como calcular Juro Compostos

Os juros compostos é quantia que um dólar investido valerá em um determinado número de períodos a uma determinada taxa de juros compostos por período.
 Para determinar os juros compostos, é possível usar a seguinte fórmula para este cálculo

=PV*(1+R)^N

onde PV é o valor presente, R é a taxa de juros e N é o número de períodos de investimento.

 

Análise TextualESTÁCIO

139 resposta(s)

User badge image

Euziana

Há mais de um mês

Fórmula para calcular juros composto

Mas e se não conseguirmos pagar este valor no final do mês? E se conseguirmos pagá-lo somente no final do mês seguinte?

Bem, ao final do primeiro mês, devíamos R$ 1.150,00 e, no final do segundo mês, não deveremos 15% sobre R$ 1000,00, mas sobre R$ 1.150,00.

J = juros
C = capital = R$ 1150,00
i = taxa de juros = 15% ao mês
t = tempo = mais 1 mês


reprodução



Note que pagaremos R$ 150,00 pelos juros no primeiro mês e R$ 172,00 de juros no segundo, pois, devemos no segundo mês os juros sobre o capital principal e mais os juros sobre os juros (juros compostos).

Equacionando isso matematicamente, temos:


reprodução



M = montante
C = capital inicial
i = taxa de juros
t = tempo

Obs: Note que M é o montante final (juros mais capital inicial).

Exemplo resolvido


1) Exemplo: Um mutuário comprou um apartamento por R$ 100.000,00 financiado por um banco com taxa de juros de 15% ao ano, financiado em 10 anos. Logo no primeiro mês, ele perde o emprego e não consegue pagar nenhuma prestação. Qual será o valor do montante (tudo que ele deve) ao final de 10 anos?

M = montante
C = capital inicial = 100.000,00
i = taxa de juros = 15% ao ano
t = tempo = 10 anos


reprodução




reprodução




reprodução




reprodução



Resposta: Ao final de 10 anos o montante (principal mais juros) será de R$ 404.555,77, ou seja, ele deve mais de 4 apartamentos.

2) Exemplo: Um aplicador colocou R$ 1.000,00 em uma caderneta de poupança que possui uma taxa de juros de remuneração de 0,5% ao mês. Se ele não fizer nenhum depósito nem retirada por 12 meses, qual será o montante final?

M = montante
C = capital inicial = R$ 1000,00
i = taxa de juros = 0,5% ao mês
t = tempo = 12 meses


reprodução




reprodução




reprodução



Resposta: Ele ganhou a estratosférica quantia de R$ 61,68 para emprestar R$ 1.000,00 para o bando, digo, para o banco, por 1 ano.

Fórmula para calcular juros composto

Mas e se não conseguirmos pagar este valor no final do mês? E se conseguirmos pagá-lo somente no final do mês seguinte?

Bem, ao final do primeiro mês, devíamos R$ 1.150,00 e, no final do segundo mês, não deveremos 15% sobre R$ 1000,00, mas sobre R$ 1.150,00.

J = juros
C = capital = R$ 1150,00
i = taxa de juros = 15% ao mês
t = tempo = mais 1 mês


reprodução



Note que pagaremos R$ 150,00 pelos juros no primeiro mês e R$ 172,00 de juros no segundo, pois, devemos no segundo mês os juros sobre o capital principal e mais os juros sobre os juros (juros compostos).

Equacionando isso matematicamente, temos:


reprodução



M = montante
C = capital inicial
i = taxa de juros
t = tempo

Obs: Note que M é o montante final (juros mais capital inicial).

Exemplo resolvido


1) Exemplo: Um mutuário comprou um apartamento por R$ 100.000,00 financiado por um banco com taxa de juros de 15% ao ano, financiado em 10 anos. Logo no primeiro mês, ele perde o emprego e não consegue pagar nenhuma prestação. Qual será o valor do montante (tudo que ele deve) ao final de 10 anos?

M = montante
C = capital inicial = 100.000,00
i = taxa de juros = 15% ao ano
t = tempo = 10 anos


reprodução




reprodução




reprodução




reprodução



Resposta: Ao final de 10 anos o montante (principal mais juros) será de R$ 404.555,77, ou seja, ele deve mais de 4 apartamentos.

2) Exemplo: Um aplicador colocou R$ 1.000,00 em uma caderneta de poupança que possui uma taxa de juros de remuneração de 0,5% ao mês. Se ele não fizer nenhum depósito nem retirada por 12 meses, qual será o montante final?

M = montante
C = capital inicial = R$ 1000,00
i = taxa de juros = 0,5% ao mês
t = tempo = 12 meses


reprodução




reprodução




reprodução



Resposta: Ele ganhou a estratosférica quantia de R$ 61,68 para emprestar R$ 1.000,00 para o bando, digo, para o banco, por 1 ano.

User badge image

Euziana

Há mais de um mês

JUROS COMPOSTOS

a formula é:

M = C x (1+i)^ n, esse ^ significa elevado, ta?
onde,
M = montante

ex: qual o valor do montante de uma aplicacao inicial de R$ 2.000,00 durante 2 meses a juros de 4% a.m.

M = C x (1+i)^ n
M = 2000 x (1+0,04)²
M = 2000 x (1,04)²
M = 2000 x 1,0816
M = R$ 2.163,20, ou seja, o total de juros é de R$ 163,20

User badge image

Paulo

Há mais de um mês

Essa é fácil.

M(montante) = Capital Inicial * (1 + i taxa de juros)t tempo

 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes