A maior rede de estudos do Brasil

A taxa real de desemprego é igual à taxa natural de desemprego?

 No sentido de que curva de Phillips aceleracionista, proposta pelos economistas Milton Friedman e Edmund Phelps, propõe que, a longo prazo, a taxa esperada de inflação e a taxa real de inflação são iguais, e a curva de Phillips se torna uma reta vertical.

Macroeconomia IESTÁCIO

6 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

A taxa real de desemprego corresponde à taxa de desemprego verificada em certo período de tempo, ou seja, é a taxa de desemprego corrente da economia em questão. Por outro lado, a taxa natural de desemprego diz respeito a taxa desemprego que está associada ao produto potencial máximo da economia, isto é, quando todos os fatores de produção da estão sendo utilizados no longo prazo. Com efeito, de acordo com a macroeconomia clássica essa é a taxa de desemprego que não acelera a inflação, ou melhor, não exerce pressão sobre os preços, portanto, a taxa de desemprego da economia gravita em torno desse referencial. Dito isso, a taxa real de desemprego no curto prazo não necessariamente será igual à taxa natural de desemprego, pois poderá haverá momentos que ela se encontra acima ou abaixo da taxa natural, contudo no longo prazo, de acordo com a visão clássica, essas duas taxas serão iguais.

A taxa real de desemprego corresponde à taxa de desemprego verificada em certo período de tempo, ou seja, é a taxa de desemprego corrente da economia em questão. Por outro lado, a taxa natural de desemprego diz respeito a taxa desemprego que está associada ao produto potencial máximo da economia, isto é, quando todos os fatores de produção da estão sendo utilizados no longo prazo. Com efeito, de acordo com a macroeconomia clássica essa é a taxa de desemprego que não acelera a inflação, ou melhor, não exerce pressão sobre os preços, portanto, a taxa de desemprego da economia gravita em torno desse referencial. Dito isso, a taxa real de desemprego no curto prazo não necessariamente será igual à taxa natural de desemprego, pois poderá haverá momentos que ela se encontra acima ou abaixo da taxa natural, contudo no longo prazo, de acordo com a visão clássica, essas duas taxas serão iguais.

User badge image

Hannah

Há mais de um mês

Dê uma olhada neste arquivo, talvez possa ajudá-la:

www.professores.uff.br/claudioconsidera/slides/ch06_4e_t.pp

User badge image

Andre

Há mais de um mês

A taxa real de desemprego corresponde à taxa de desemprego verificada em certo período de tempo, ou seja, é a taxa de desemprego corrente da economia em questão. Por outro lado, a taxa natural de desemprego diz respeito a taxa desemprego que está associada ao produto potencial máximo da economia, isto é, quando todos os fatores de produção da estão sendo utilizados no longo prazo. Com efeito, de acordo com a macroeconomia clássica essa é a taxa de desemprego que não acelera a inflação, ou melhor, não exerce pressão sobre os preços, portanto, a taxa de desemprego da economia gravita em torno desse referencial. Dito isso, a taxa real de desemprego no curto prazo não necessariamente será igual à taxa natural de desemprego, pois poderá haverá momentos que ela se encontra acima ou abaixo da taxa natural, contudo no longo prazo, de acordo com a visão clássica, essas duas taxas serão iguais.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas