A maior rede de estudos do Brasil

O que é E-Commerce?

Descrição

para que serve


23 resposta(s)

User badge image

Vinicius

Há mais de um mês

O E-commerce consiste na realização de negócios por meio da internet, incluindo a venda de produtos e serviços físicos, entregues off-line, e de produtos que podem ser digitalizados e entregues on-line, nos seguimentos de mercado consumidor, empresarial e governamental. O E-commerce é uma modalidade que cobre os processos pelos quais os consumidores, fornecedores eparceiros são atingidos, incluindo atividades como vendas, marketing, recepção de pedidos, entregas, programas de fidelidade. Assim a sua finalidade é a de utilizar a ferramenta da internet para se estabelecer um negócio.
Vale ainda ressaltar que existe uma discussão acerca do E-Commerce e do E-Business. Há uma corrente que entede que os dois são a mesma coisa. Contapondo essa corrente, há quem defenda que seus significados são distintos. O E-Business seria o negócio inteiro realizado on-line, incluindo toda a cadeia de valor dos processos de negócio num ambiente eletrônico, enquanto o comércio eletrônico restringiria-se apenas às transações comerciais de compra e venda.
Espero ter ajudado. Paz.

O E-commerce consiste na realização de negócios por meio da internet, incluindo a venda de produtos e serviços físicos, entregues off-line, e de produtos que podem ser digitalizados e entregues on-line, nos seguimentos de mercado consumidor, empresarial e governamental. O E-commerce é uma modalidade que cobre os processos pelos quais os consumidores, fornecedores eparceiros são atingidos, incluindo atividades como vendas, marketing, recepção de pedidos, entregas, programas de fidelidade. Assim a sua finalidade é a de utilizar a ferramenta da internet para se estabelecer um negócio.
Vale ainda ressaltar que existe uma discussão acerca do E-Commerce e do E-Business. Há uma corrente que entede que os dois são a mesma coisa. Contapondo essa corrente, há quem defenda que seus significados são distintos. O E-Business seria o negócio inteiro realizado on-line, incluindo toda a cadeia de valor dos processos de negócio num ambiente eletrônico, enquanto o comércio eletrônico restringiria-se apenas às transações comerciais de compra e venda.
Espero ter ajudado. Paz.

User badge image

Cadu

Há mais de um mês

Salve, novamente!

Não sei se foi um trabalho acadêmico e até quando valem as respostas. Mas vale ressaltar que E-commerce, embora lembre e seja o mais utilizado pelo público, não é comércio via internet apenas.

Por e-commerce entenda-se tambem as formas de finalização de transações (os pagamentos com cartão de crédito em maquininha, para ser mais específico). Eu recomendaria ler sobre o B2B (Business to Business que englobam as compras feitas automaticamente por sistemas SCM) e o B2C (ou o via internet), o sistema EDI (Eletronic Data Interchange)... Sugiro leitura do livro Logística e gerenciamento da cadeia de distribuição: Estratégia, operação e avaliação, de Antonio Galvão Novaes.

User badge image

Felipe Almeida

Há mais de um mês

O que é e-Commerce?

Comércio electrónico ou e-Commerce é um conceito aplicável a qualquer tipo de negócio ou transacção comercial que implique a transferência de informação através da Internet. Abrange uma gama de diferentes tipos de negócios, desde sites de retalho destinado a consumidores, a sites de leilões, passando por comércio de bens e serviços entre organizações.
E-commerce é actualmente um dos mais importantes fenómenos da Internet em crescimento.
O e-commerce permite que os consumidores transaccionem bens e serviços electronicamente sem barreiras de tempo ou distância. O comércio electrónico expandiu-se rapidamente nos últimos anos e prevê-se que continue expandir-se com a mesma taxa de crescimento ou mesmo que haja uma aceleração do crescimento. Brevemente as fronteiras entre comércio “convencional” e “electrónico” tenderão a esbater-se, pois cada vez mais negócios deslocam secções inteiras das suas operações para a Internet.

Tipos de e-Commerce

Os negócios entre empresas designam-se por B2B ou Business to Business, por oposição aos negócios B2C ou Businnes to Consumer, que se dirigem aos consumidores.
Os negócios B2B permitem centenas ou milhares de transacções seja como clientes seja como fornecedores. Levar a cabo estas transacções electronicamente proporciona amplas vantagens competitivas sobre os métodos tradicionais. Quando devidamente implementado, o e-commerce é mais rápido, mais barato e mais conveniente do que os métodos tradicionais de transacção de bens e serviços.
A estratégia para criar uma loja online de sucesso pode ser dificultada se não forem respeitados certos princípios e se for esquecido o que é suposto ser o e-commerce em negócios online.

O que é exactamente um carrinho de compras?

O carrinho de compras é o sistema da loja online. É um software.
O software de carrinho de compras (ou shopping cart) é um sistema informático usado para permitir que consumidores comprem bens e serviços, acompanhar clientes, e integrar todos os aspectos do e-Commerce num só dispositivo.
Existem inúmeros tipos de software no mercado que, após uma customização de acordo com a organização, permite métodos relativamente económicos para construir, editar e manter uma loja online.

Em que é que os carrinhos de compras online diferem dos carrinhos de compras dos supermercados?

Na loja online o cliente vê um produto que lhe interessa, coloca-o num cesto de compras virtual, e quando terminou a sua visita, procede ao ‘checkout’ completando a sua transacção fornecendo os seus dados para pagamento. Os únicos actos materiais requeridos ao cliente são que pressione algumas teclas e pouco mais…
No supermercado, para além de ter tido de se deslocar lá, tem de carregar os produtos 6 (seis) vezes, a saber:
 

  1. Das prateleiras para o carrinho de compras;

  2. Do carrinho de compras para a caixa de pagamento;

  3. Da caixa para o carrinho de compras;

  4. Do carrinho de compras para a bagageira;

  5. Da bagageira para cozinha;

  6. Da cozinha para as prateleiras;

O que é preciso para ter uma loja online?

Para começar…

Para começar um negócio online é melhor encontrar um produto de nicho que os consumidores tenham dificuldade em encontrar em centros comerciais ou grandes armazéns comerciais.
Depois pode optar-se entre fazer um site próprio para e-commerce a partir do zero ou adaptar a um site já existente uma secção de loja online através dum software próprio.
Também é importante ter em consideração o aspecto da expedição. Para diversos tipos de mercadoria o processo logístico associado à entrega é um problema, como por exemplo as garrafas de vinho, enquanto outros tipos não carecem de cuidados especiais no seu manuseamento, como é o caso dos livros ou DVD’s.

O passo seguinte…

O passo seguinte consiste em activar e instalar os métodos de pagamento online. Habitualmente o processo mais simples é criar uma conta comercial em serviços de pagamento online (gateways de pagamento). O mais popular é o PayPal.

Last but not least…

Finalmente será necessária uma estratégia de webmarketing para conduzir tráfego qualificado à loja online e para seduzir os clientes a repetirem a compra sempre que tiverem necessidade dos nossos produtos.
 

Manter as coisas simples é normalmente um procedimento sensato para quem se inicia no e-Commerce.
O e-Commerce pode ser uma actividade muito gratificante, mas não se pode ganhar dinheiro do dia para a noite. É importante fazer muita pesquisa, fazer perguntas, trabalhar intensamente e tomar decisões de negócio sobre os factos aprendidos com a pesquisa e estudo efectuados.
Não se guie por palpites. A Internet permite hoje em dia recolher dados que há 10 ou 15 anos só eram acessíveis atrás através de dispendiosos estudos de mercado. Faça a sua análise de forma criteriosa ou, se tiver meios para isso, contrate um profissional de Webmarketing.



Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes