A maior rede de estudos do Brasil

disserte sobre o processo de racionalização vivenciado pelas sociedades modernas.

Resposta: A racionalização do mundo não significa seu progresso moral, já que tem a ver com a organização social exterior, especialmente por meio da burocracia, e não com a vida intima e racional do homem. A racionalização baseia-se no elogio da razão absoluta, capaz de engendrar um mundo sem significado, sem liberdade, dominado por poderosas burocracias e pela ¨jaula de ferro¨da economia capitalista.


1 resposta(s)

User badge image

Amanda Savi

Há mais de um mês

O processo de racionalização ao qual Weber refere-se está relacionado com as mudanças estruturais, culturais e sociais que as sociedades modernas passaram no decorrer do tempo. Essas mudanças geraram grandes impactos, como a gradual construção do capitalismo e a monstruosa explosão do crescimento dos meios urbanos, que se tornaram as bases da reordenação das organizações tradicionais que predominavam até então. A preocupação de Weber estava em tentar apreender os processos pelos quais o pensamento racional, ou a racionalidade, impactou as instituições modernas como o Estado, os governos e ainda o âmbito cultural, social e individual do sujeito moderno.

O processo de racionalização ao qual Weber refere-se está relacionado com as mudanças estruturais, culturais e sociais que as sociedades modernas passaram no decorrer do tempo. Essas mudanças geraram grandes impactos, como a gradual construção do capitalismo e a monstruosa explosão do crescimento dos meios urbanos, que se tornaram as bases da reordenação das organizações tradicionais que predominavam até então. A preocupação de Weber estava em tentar apreender os processos pelos quais o pensamento racional, ou a racionalidade, impactou as instituições modernas como o Estado, os governos e ainda o âmbito cultural, social e individual do sujeito moderno.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes