A maior rede de estudos do Brasil

Defina de forma sucinta e clara: Direito Objetivo; Direito Subjetivo; Direito Adjetivo e Direito Substantivo ?

Ao responderem procurem formas simples de respostas, não há necessidade de termos jurídicos, basta simplicidade e clareza para melhor entendimento da resposta. Grato!


5 resposta(s)

User badge image

Marcelo

Há mais de um mês

Bom, são nomenclaturas com certas diferenças e que tem momentos expressivos diferentes, vamos a elas:

Direito Objetivo: é um conjunto de normas gerais colocadas pelo Estado (e por isso postivadas) para regrar determinados interesses ou prescrever forma a certos procedimentos; seja por meio de decisões, julgados reiterados ou de um processo legislativo. Também pode se usar o termo Norma Agendi.

Direito Subjetivo: são faculdades ou poderes designados às personalidades da ordem estatal, que são expressos por meio de um ato volitivo ou não, a depender da vontade do ente. Pode-se falar em direitos subjetivos (facultas agendi) bem como em direitos potestativos (poderes a quem cabe outros indivíduos apenas aceitar).

A classificação em Objetivo ou Subjetivo é uma classificação antiga, e segundo alguns autores (Cesar Roberto Bitencourt e Candido Rangel Dinamarco por exemplo) é obsoleta. Mas definindo:

Direito Objetivo: Tutela interesses e bens jurídicos de importância social, econômica e política; também chamdo de direito material. Vinculando relações jurídicas entre os entes segundo essa tutela.

Direito Adjetivotutela a forma que os entes devem fazer valer seus direitos violados, advindos da tutela material, em juízo; por isso também pode ser chamado de direito processual.

Fonte principal: eu

Outras: 

Tratado de Direito Penal (Bitencourt)

Elementos de Teoria Geral do Estado (Dalmo Dallari)

A Instrumentalidade do Processo (Candido Rangel Dinamarco)

Teoria Geral do Processo (Dinamarco; Grinover; Cintra)

Bom, são nomenclaturas com certas diferenças e que tem momentos expressivos diferentes, vamos a elas:

Direito Objetivo: é um conjunto de normas gerais colocadas pelo Estado (e por isso postivadas) para regrar determinados interesses ou prescrever forma a certos procedimentos; seja por meio de decisões, julgados reiterados ou de um processo legislativo. Também pode se usar o termo Norma Agendi.

Direito Subjetivo: são faculdades ou poderes designados às personalidades da ordem estatal, que são expressos por meio de um ato volitivo ou não, a depender da vontade do ente. Pode-se falar em direitos subjetivos (facultas agendi) bem como em direitos potestativos (poderes a quem cabe outros indivíduos apenas aceitar).

A classificação em Objetivo ou Subjetivo é uma classificação antiga, e segundo alguns autores (Cesar Roberto Bitencourt e Candido Rangel Dinamarco por exemplo) é obsoleta. Mas definindo:

Direito Objetivo: Tutela interesses e bens jurídicos de importância social, econômica e política; também chamdo de direito material. Vinculando relações jurídicas entre os entes segundo essa tutela.

Direito Adjetivotutela a forma que os entes devem fazer valer seus direitos violados, advindos da tutela material, em juízo; por isso também pode ser chamado de direito processual.

Fonte principal: eu

Outras: 

Tratado de Direito Penal (Bitencourt)

Elementos de Teoria Geral do Estado (Dalmo Dallari)

A Instrumentalidade do Processo (Candido Rangel Dinamarco)

Teoria Geral do Processo (Dinamarco; Grinover; Cintra)

User badge image

vinicius

Há mais de um mês

De forma bem sucinta,

Direito Objetivo: todo o ordenamento jurídico;

Direito Subjetivo: a faculdade que as pessoas tem de praticar os atos da vida civil;

Direito substantivo (material): são as normas de determinada matéria (civil, penal, comercial, etc)

Direito adjetivo (instrumental/processual): são as normas que disciplinam a jurisdição, ou seja, regula a atividade dos órgãos jurisdicionais (juiz, partes, auxiliares, etc)

User badge image

amanda

Há mais de um mês

Direito Objetivo: conjunto de normas que a todos de dirigem e a todos se vincunlam 

E a norma da açao humana, isto e, a norma agendi ou normas de comportamento humanos.

Sao regras que diciplinam o comportamento do homem

Direito Subjetivo:  E a faculdade conferida ao individuo de invocar a norma em seu favor, ou seja da faculdade de agir sob a sombra da regra.

Direito Substantivo: e o complexo de normas que regem as relaçoes Juridicas, definindo a sua materia

Direito Adjetivo: Conjunto de normas legais que diciplinam o processo que rege os atos Judiciarios. E o Direito a postular na justiça o cumprimento de uma regra substantiva, de u direito pessoal.

 

 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes