A maior rede de estudos do Brasil

Por que os direitos da personalidade são considerados imprescritíveis?

Direitos da Personalidade


26 resposta(s)

User badge image

Paulo Oliveira

Há mais de um mês

Imprescritibilidade: impede que a lesão a um direito da personalidade venha a convalescer com o passar do tempo, obstando a pretensão de assegurar o livre exercício do direito da personalidade. Os direitos da personalidade não se extinguem pelo uso e pelo decurso do tempo, nem pela inércia na pretensão de defendê-lo.

ATENÇÃO:não confundir com a prescritibilidade da pretensão indenizatória que é de 3 anos.

Imprescritível é a pretensão de garantir o exercício do direito, mas não a de reparar pecuniariamente eventual dano sofrido. Não prescreve a pretensão de fazer parar a lesão mas prescreve em 3 anos a pretensão de reparação do dano causado à imagem.

Espero ter ajudado a compreender o tema, se gostou não esqueça de aprovar meu comentário!

Bons Estudos!

 

Imprescritibilidade: impede que a lesão a um direito da personalidade venha a convalescer com o passar do tempo, obstando a pretensão de assegurar o livre exercício do direito da personalidade. Os direitos da personalidade não se extinguem pelo uso e pelo decurso do tempo, nem pela inércia na pretensão de defendê-lo.

ATENÇÃO:não confundir com a prescritibilidade da pretensão indenizatória que é de 3 anos.

Imprescritível é a pretensão de garantir o exercício do direito, mas não a de reparar pecuniariamente eventual dano sofrido. Não prescreve a pretensão de fazer parar a lesão mas prescreve em 3 anos a pretensão de reparação do dano causado à imagem.

Espero ter ajudado a compreender o tema, se gostou não esqueça de aprovar meu comentário!

Bons Estudos!

 

User badge image

Muryllo Monteiro

Há mais de um mês

“Os direitos de personalidade são intransmissíveis porque inerentes à própria pessoa humana, inseparáveis dela, inatos. Apenas o exercício de alguns deles passam aos herdeiros, como exceção. São indisponíveis porque não podem ser transferidos: apenas seu titular pode deles fruir e dispor. São irrenunciáveis porque sem eles a própria personalidade desapareceria. São inexpropriáveis porque nem mesmo o Estado pode separá-los do indivíduo. São imprescritíveis porque não se adquirem ou se os extinguem pelo não uso; perduram pelo tempo que perdurar a vida humana à qual pertencem.”

User badge image

Paula Almeida

Há mais de um mês

Os Direitos da Personalidade não se extinguem. São imprescritiveis porque mesmo após o decurso de um longo período de tempo o titular do direito poderá invocá-lo. 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes