Caso Clínico

F.S.B. 54 anos, apresentando dor precordial há 04 horas. Realizado monitorização que revelou SPO2: 89%; P: 110bpm; R: 26irpm; PA: 86x58mmHg. Realizado ECG com 12 derivações que revelou supra ST em V1. Após a abordagem inicial, o quadro clínico agravou e ficou inconsciente. Ao avaliar a monitorização o enfermeiro observou . O que houve inicialmente com F.S.B.? Que características adicionais poderiam ter sido avaliadas na dor para classificá-la como isquêmica? Qual a abordagem terapêutica inicial ao caso? Que complicação ocorreu no quadro clínico? Qual a condução adequada da complicação?

Disciplina:ensino clinico VII1.519 materiais