A maior rede de estudos do Brasil

Qual a importância do período renascentista para a formação do pensamento antropológico?

Sabe-se que a Antropologia enquanto ciência surge apenas no século XVIII, impulsionada por grandes mudanças sociais, bemc omo sabe-se que muito antes dessa época já se observava o outro de forma mais investigativa, pautando-se na curiosidade às diferenças entre os homens (língua, costumes, pensamento, etc), porém ainda tomando por base nossos próprios padrões de "normalidade" (etnocentrismo).

Desse modo, como as mudanças sociais e intelectuais do período do renascimento influenciaram uma formação da Antropologia como a conhecemos hoje?


11 resposta(s)

User badge image

Raoni

Há mais de um mês

Primeiro de tudo a Renascença acabou no século XVI. e a Antropologia não nasce como ciência no século XVIII, se a própria sociologia só é assim chamada no século XIX e Durkheim foi o primeiro professor de sociologia do mundo. A antropologia surge como ciência a partir da determinação do método etnografico por Malinowski, ou pelas Teorias Antropologicas de Mauss. 

Podes pesquisar a origem das 3 grandes escolas de Antropologia, A Escola Inglesa (Malinowski, Radcliff-Brown) Escola Francesa ( Mauss e Levi-strauss) Escola Americana ( Boas e Geertz) e claro a Brasileira ( Darcy Ribeiro, Roberto Cardoso de Oliveira), esses nomes são apenas exemplos de onde eu sugiro que comece a ler seriamente sobre antropologia. 

Em relação ao pensamento Renacentista, em termo de autores, acho que Maquiavel foi extremamente importante, mas as suas contribuições funcionam mais para Ciência Política. Da antropologia é importante saber como se transformou a cultura de lá pra hoje em dia, mas em termos academicos, vai precisar muito mais que essa resposta pra explicar.

User badge image

Raoni

Há mais de um mês

Em relação a sua outra pergunta. essa transição foi complexa, Mas a sua consequencia mais clara foi a separação da Igreja do Estado, que perdeu poder, nas leis e deixou de ser a instuição mais importante. Para a antropologia como Ciência só a compreensão dos fatos e analise das mudanças culturais, mais acdemicamente, não consigo pensar em algo especifico

User badge image

Silvio

Há mais de um mês

Vou completar:

Recorro ao filho do renascimento, o ilunimismo. Pois analisar o fruto nos faz entender a essência da árvore, então, baseando-me nessa premissa, insiro dois fragmentos da pag.19 do livro citado.

       "O século XVIII testemunhou um florescimento da ciência e da filosofia na Europa. [...] Crenças religiosas tradicionais eram denunciadas cada vez mais como supertições - obstáculos no caminho para uma sociedade melhor, governada pela razão."

 

      A transição do pensamento teocentrico ao antropocentrico transmite a compreensão do homem como medida de todas as coisas. Tudo isso foi projeto não intencional do humanismo, que floresceu na renascença.

Espero que Vsa. Exc. tenha tido deleite com minhas respostas.

     

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes