A maior rede de estudos do Brasil

Herança

No caso em que eu deixe minha herança para o filho que ainda vai nascer de uma amiga minha , e esse filho nasçe mas depois morre . A herança que deixei fica para mãe ? e Se a mãe e o pai morrerem e o filho ficou sozinho , a herança vai ficar com quem , se ele ainda é menor ?

 


5 resposta(s)

User badge image

Paulo

Há mais de um mês

Essa questão é tranquila. Veja bem: Cabe lembrar que como essa futura criança, citada, não é herdeira necessária (descendente, ascendente ou conjuge). Você poderá dispor de no máximo 50% da herança. Se ele nasçe, a herança transmite-se mesmo que viva por poucos segundos. Pronto agora vamos para a resposta:

A herança que deixei fica para mãe ? Dependerá da ordem de vocação hereditária que essa família possuir, no caso apresentado, parece-me que ficará para os ascendentes (na regra do grau, passa para os pais, senão existirem para os avós e assim por diante) se houver, senão para os colaterais, não existindo nem um nem outro, ficará para o Municipio, distrito federal, ou união, dependendo onde ocorrer.

Se a mãe e o pai morrerem e o filho ficou sozinho , a herança vai ficar com quem , se ele ainda é menor? A herança irá ficar para o menor, sendo administrada por um tutor que poderá ser nomeado pelo juiz.

Espero que tenha ajudado Ariandne, bons estudos!

Uma curiosidade abaixo sobre tutela e curatela, as principais diferenças:

Apesar dessa semelhança, os dois institutos não se confundem. Podem ser apontadas as seguintes diferenças: a) a tutela é destinada a menores de 18 anos de idade, enquanto a curatela é deferida, em regra, a maiores; b) a tutela pode ser testamentária, com nomeação do tutor pelos pais; a curatela é sempre deferida pelo juiz; c) a tutela abrange a pessoa e os bens do menor, enquanto a curatela pode compreender somente a administração dos bens do incapaz, como no caso dos pródigos; d) os poderes do curador são mais restritos do que os do tutor. Blog: http://abadireitodefamilia.blogspot.com.br/2010/05/curatela.html

 

 

Essa questão é tranquila. Veja bem: Cabe lembrar que como essa futura criança, citada, não é herdeira necessária (descendente, ascendente ou conjuge). Você poderá dispor de no máximo 50% da herança. Se ele nasçe, a herança transmite-se mesmo que viva por poucos segundos. Pronto agora vamos para a resposta:

A herança que deixei fica para mãe ? Dependerá da ordem de vocação hereditária que essa família possuir, no caso apresentado, parece-me que ficará para os ascendentes (na regra do grau, passa para os pais, senão existirem para os avós e assim por diante) se houver, senão para os colaterais, não existindo nem um nem outro, ficará para o Municipio, distrito federal, ou união, dependendo onde ocorrer.

Se a mãe e o pai morrerem e o filho ficou sozinho , a herança vai ficar com quem , se ele ainda é menor? A herança irá ficar para o menor, sendo administrada por um tutor que poderá ser nomeado pelo juiz.

Espero que tenha ajudado Ariandne, bons estudos!

Uma curiosidade abaixo sobre tutela e curatela, as principais diferenças:

Apesar dessa semelhança, os dois institutos não se confundem. Podem ser apontadas as seguintes diferenças: a) a tutela é destinada a menores de 18 anos de idade, enquanto a curatela é deferida, em regra, a maiores; b) a tutela pode ser testamentária, com nomeação do tutor pelos pais; a curatela é sempre deferida pelo juiz; c) a tutela abrange a pessoa e os bens do menor, enquanto a curatela pode compreender somente a administração dos bens do incapaz, como no caso dos pródigos; d) os poderes do curador são mais restritos do que os do tutor. Blog: http://abadireitodefamilia.blogspot.com.br/2010/05/curatela.html

 

 

User badge image

Vinicius

Há mais de um mês

Bom, acredito que no primeiro caso como a criança nasceu com vida houve o recebimento da herança, como posteriormente a mesma veio a falecer a sua "herança" recebida será destinados aos pais pelo meio da sucessão. Já no segundo caso a herança ficará com o menor, que receberá um tutor para cuidar dessa herança até que ele se torne capaz de fato e de direito.

User badge image

leandro

Há mais de um mês

No primeiro momento,ele nasceu(apartir do momento que em que a criança respirou,pressupõe-se que ela nasceu com vida,já adquiriu direitos),caso essa mesma criança venha a não resistir após o seu nascimento,será repassada a herança aos pais. No segundo caso onde os pais do menor venham a morrer, será nomeado um tutor até a maioridade do mesmo ou sua emancipação.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes