A maior rede de estudos do Brasil

O que é prerrogativa Parlamentar?

O que é Imunidade Parlamentar e Imunidade de Jurisdição?


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Temos que em virtude da relevância das funções ou das atividades que exercem, algumas pessoas gozam de tratamento jurídico diferenciado. Com isso, temos as chamadas imunidades e prerrogativas parlamentares. Diante disso, a imunidade parlamentar é formada por um conjunto de garantias dadas aos parlamentares (membros do Poder Legislativo) para que possam exercer as suas funções sem violações ou abusos por parte do Poder Executivo e Judiciário.

Já a imunidade de Jurisdição é entendida como “o privilégio reconhecido a certas pessoas estrangeiras, em virtude dos cargos ou funções que exercem, de escaparem à jurisdição, tanto civil quanto criminal, do Estado em que se encontram”. Tem como fundamento a necessidade de ser assegurado o respeito à independência do Estado a que essas pessoas pertencem.

Temos que em virtude da relevância das funções ou das atividades que exercem, algumas pessoas gozam de tratamento jurídico diferenciado. Com isso, temos as chamadas imunidades e prerrogativas parlamentares. Diante disso, a imunidade parlamentar é formada por um conjunto de garantias dadas aos parlamentares (membros do Poder Legislativo) para que possam exercer as suas funções sem violações ou abusos por parte do Poder Executivo e Judiciário.

Já a imunidade de Jurisdição é entendida como “o privilégio reconhecido a certas pessoas estrangeiras, em virtude dos cargos ou funções que exercem, de escaparem à jurisdição, tanto civil quanto criminal, do Estado em que se encontram”. Tem como fundamento a necessidade de ser assegurado o respeito à independência do Estado a que essas pessoas pertencem.

User badge image

Paulo

Há mais de um mês

Imunidade Parlamentar - Consiste na prerrogativa de Direito Público Internacional de que desfrutam os representantes diplomáticos estrangeiros e seus familiares que com ele vivam em território nacional diverso de seu país de origem. A imunidade diplomática apresenta-se como medida de respeito, na ordem internacional, entre os diversos órgãos estatais estrangeiros. Trata-se de “privilégios outorgados aos representantes diplomáticos estrangeiros, observando sempre o princípio da mais estrita reciprocidade” (Nélson Hungria).

Imunidade de jurisdição significa que o Estado não será julgado pelos tribunais de outro estado. De forma a possibilitar a convivência organizada entre sujeitos de direito internacional, se impera a imunidade relativa, ou seja, aquele que abarca exceções. A imunidade relativa torna-se princípio consuetudinário do direito internacional, em que as praticas dos Estados desenvolvem-se uniformemente e constantemente nesse sentido.

Espero ter colaborado e ajudado, se gostou da resposta não deixe de aprovar, boa sorte!

User badge image

Ana

Há mais de um mês

Obrigada! Ajudou sim. 

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Temos que em virtude da relevância das funções ou das atividades que exercem, algumas pessoas gozam de tratamento jurídico diferenciado. Com isso, temos as chamadas imunidades e prerrogativas parlamentares. Diante disso, a imunidade parlamentar é formada por um conjunto de garantias dadas aos parlamentares (membros do Poder Legislativo) para que possam exercer as suas funções sem violações ou abusos por parte do Poder Executivo e Judiciário.

Já a imunidade de Jurisdição é entendida como “o privilégio reconhecido a certas pessoas estrangeiras, em virtude dos cargos ou funções que exercem, de escaparem à jurisdição, tanto civil quanto criminal, do Estado em que se encontram”. Tem como fundamento a necessidade de ser assegurado o respeito à independência do Estado a que essas pessoas pertencem.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas