A maior rede de estudos do Brasil

Como fica a Unificação dos Prazos com o Novo CPC 2015/16?


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

A maioria dos recursos estão previstos num mesmo prazo de interferência, que é de 15 dias úteis. A única ressalva são os embargos de declaração do qual prazo é de 5 dias úteis.

O Novo Código de Processo Civil (CPC) traçou algumas mudanças no ordenamento jurídico brasileiro. Porém, também manteve algumas das previsões antigas. Podemos destacar alguns artigos como:

A jurisdição civil é exercida pelos juízes e pelos tribunais em todo o território nacional (artigo 16).

Para requisitar em juízo é necessário ter interesse e legitimidade (artigo 17).

Ninguém poderá requisitar direito de outrem em nome próprio, salvo quando autorizado pelo ordenamento jurídico (artigo 18).

A maioria dos recursos estão previstos num mesmo prazo de interferência, que é de 15 dias úteis. A única ressalva são os embargos de declaração do qual prazo é de 5 dias úteis.

O Novo Código de Processo Civil (CPC) traçou algumas mudanças no ordenamento jurídico brasileiro. Porém, também manteve algumas das previsões antigas. Podemos destacar alguns artigos como:

A jurisdição civil é exercida pelos juízes e pelos tribunais em todo o território nacional (artigo 16).

Para requisitar em juízo é necessário ter interesse e legitimidade (artigo 17).

Ninguém poderá requisitar direito de outrem em nome próprio, salvo quando autorizado pelo ordenamento jurídico (artigo 18).

User badge image

Wagner

Há mais de um mês

Estamos há poucos dias do Início da Vigência do Novo CPC, que seus ditames sejam respeitados, que os impactos sejam positivos, que os processos se tornem mais céleres e que os operadores do Direito sejam mais respeitados e valorizados como fundamentais em sua função social.......

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas