A maior rede de estudos do Brasil

Pq diferenças materno-fetais entre os Ag's ABO ñ provocam eritroblastose fetal clinicamente importante enquanto diferenças de rh provocam?

.

Imunologia

PUC-MINAS


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Para responder esta pergunta devemos colocar em prática o nosso conhecimento sobre Imunologia.


Sabe-se que os sistemas ABO e RH são responsáveis por mais de 98% dos problemas de incompatibilidade sanguínea. Eritroblastose fetal é uma doença hemolítica causada pela incompatibilidade do sistema Rh do sangue materno e fetal. Ela se manifesta, quando há incompatibilidade sanguínea referente ao Rh entre mãe e feto, ou seja, quando o fator Rh da mãe é negativo e o do feto, positivo.


Portanto, ocorre quando a incompatibilidade feto herdado pai um fator sanguíneo que não está presente na mãe. Como o organismo materno é incompatível com substâncias presentes no organismo do bebê, produz uma resposta autoimune e ataca a criança. Nestes casos mais extremos, a doença pode causar a morte do recém-nascido.

Para responder esta pergunta devemos colocar em prática o nosso conhecimento sobre Imunologia.


Sabe-se que os sistemas ABO e RH são responsáveis por mais de 98% dos problemas de incompatibilidade sanguínea. Eritroblastose fetal é uma doença hemolítica causada pela incompatibilidade do sistema Rh do sangue materno e fetal. Ela se manifesta, quando há incompatibilidade sanguínea referente ao Rh entre mãe e feto, ou seja, quando o fator Rh da mãe é negativo e o do feto, positivo.


Portanto, ocorre quando a incompatibilidade feto herdado pai um fator sanguíneo que não está presente na mãe. Como o organismo materno é incompatível com substâncias presentes no organismo do bebê, produz uma resposta autoimune e ataca a criança. Nestes casos mais extremos, a doença pode causar a morte do recém-nascido.

User badge image

Daniel Oliveira

Há mais de um mês

As imunoglobulinas com pesos moleculares diferentes, sendo que as IgM media a incompatibilidade do sistema ABO, esta imunoglobulina é responsável pela ativação do sistema complemento fazendo com que os agentes estranhos sejas destruidos imediatamente, além do se peso molecular que é maior que a IgG, essa media a incompatibilidade com o fator Rh, esta imunoglobulina possui um peso molecular bastante pequeno e facilmente atravessa a barreira placentária.

User badge image

Andre Smaira

Há mais de um mês

Para responder esta pergunta devemos colocar em prática o nosso conhecimento sobre Imunologia.


Sabe-se que os sistemas ABO e RH são responsáveis por mais de 98% dos problemas de incompatibilidade sanguínea. Eritroblastose fetal é uma doença hemolítica causada pela incompatibilidade do sistema Rh do sangue materno e fetal. Ela se manifesta, quando há incompatibilidade sanguínea referente ao Rh entre mãe e feto, ou seja, quando o fator Rh da mãe é negativo e o do feto, positivo.


Portanto, ocorre quando a incompatibilidade feto herdado pai um fator sanguíneo que não está presente na mãe. Como o organismo materno é incompatível com substâncias presentes no organismo do bebê, produz uma resposta autoimune e ataca a criança. Nestes casos mais extremos, a doença pode causar a morte do recém-nascido.

User badge image

Andre Smaira

Há mais de um mês

Para responder esta pergunta devemos colocar em prática o nosso conhecimento sobre Imunologia.


As imunoglobulinas com pesos moleculares diferentes, sendo que as IgM media a incompatibilidade do sistema ABO, esta imunoglobulina é responsável pela ativação do sistema complemento fazendo com que os agentes estranhos sejas destruidos imediatamente, além do se peso molecular que é maior que a IgG, essa media a incompatibilidade com o fator Rh.


Portanto, esta imunoglobulina possui um peso molecular bastante pequeno e facilmente atravessa a barreira placentária.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas