A maior rede de estudos do Brasil

Como funciona o processo de síntese de colágeno tipo I e Elastina? (em forma de esquema se possível)


5 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Colágeno tipo I: tem três cadeias polipeptídicas, ricas em aminoácidos glicina, prolina e lisina. Pontos de hidrogênio que estão nas hidroxipolinas ligam as cadeias polipeptídicas, enrolando-se uma na outra. O crescimento derivado da plaqueta incentiva a síntese de colágeno para os fibroblastos , já os glicocorticoides inibem a sua síntese.

Elastina: tem como característica formar fibras mais finas do que a do colágeno, essas fibras liberam bastante a tração, essa tração é responsável pela pressão sanguínea quando o sangue não estiver saindo do coração. A elastina da elasticidade e resistência.

Colágeno tipo I: tem três cadeias polipeptídicas, ricas em aminoácidos glicina, prolina e lisina. Pontos de hidrogênio que estão nas hidroxipolinas ligam as cadeias polipeptídicas, enrolando-se uma na outra. O crescimento derivado da plaqueta incentiva a síntese de colágeno para os fibroblastos , já os glicocorticoides inibem a sua síntese.

Elastina: tem como característica formar fibras mais finas do que a do colágeno, essas fibras liberam bastante a tração, essa tração é responsável pela pressão sanguínea quando o sangue não estiver saindo do coração. A elastina da elasticidade e resistência.

User badge image

Estudante PD

Há mais de um mês

Continuaçao da resposta anterior:

2. Sistema elástico: constituído pelas fibras elásticas, elaunínicas e oxitalânicas.

O sistema elástico:
Composto por três tipos de fibras: oxitalânica, elaunínica e elástica . O desenvolvimento do sistema se dá por três estágios:

1. Fibras oxitalânicas (sem elasticidade) consistem em feixes de microfibrilas compostas por glicoproteínas, entre as quais a fibrilina, que formam a base necessária para a deposição de elastina (produzida nos fibroblastos e em células do músculo liso dos vasos sanguíneos).

2. Ocorre a deposição irregular da proteína elastina entre as miofibrilas, formando as fibras elaunínicas.

3. A elastina continua a se acumular e a ocupar todo o centro do feixe, daí está formado as fibras elásticas. Em fibras elásticas maduras a grande concentração de elastinas.
Aplicação médica: Sindrome de Marfan: falta de resistência dos tecidos ricos em fibras elásticas.

 

fonte:

http://medgama.blogspot.com.br/2010/07/tecido-conjuntivo.html

 

User badge image

Estudante PD

Há mais de um mês

Tecido conjuntivo é constituido de Células e Matriz Extracelular.

Matriz extracelular :

• Matriz fibrilar – Fibras do sistema colágeno – Fibras do sistema elástico

• Matriz não fibrilar (substância fundamental) – Glicosaminoglicanos livres – ácido hialurônico – Proteoglicanos = Proteína + GAGs – Glicoproteínas – Fatores solúveis, água, gases, nutrientes.

 

Matriz fibrilar: Fibras do Sistema colágeno Colágeno: Função estrutural • Proteína estrutural mais abundante do organismo • Fibra colágena: Feixes de fibrilas colágenas - Polimerização de moléculas de tropocolágeno (moléculas de colágeno)

 

Matriz fibrilar: Fibras do Sistema colágeno.

 

Estrutura fibrilar em tríplica hélice – três cadeias (alfa) torcidas e enroladas entre si • Sequência típica de aminoácidos: 35% glicina; 12% prolina; 10% hidroxiprolina/hidroxilisina: sequência - Gly-X-Y; • Diferença entre as cadeias alfa origina os diferentes tipos de colágeno: + de 25 tipos de colágeno: rigidez, elasticidade, força de tensão variáveis.

 

Tipos de Colágeno: • Fibrilares: longas fibrilas - Colágeno I, II, III, V e XI – Tendão, cartilagem, derme, osso • Colágenos associados a fibrilas: estruturas curtas (ligação): IX, XII, XIV • Formam redes ou malhas: Colágeno tipo IV– Lâmina basal • Colágeno de ancoragem: Tipo VII; ancora fibrilas de col. I à LB • Colágeno transmembranas: XIII e XVII – Hemidesmossomas.

 

Matriz fibrilar: Tipos de colágeno Colágeno tipo I: Pele, Osso, tendões, ligamentos, fácias, dente, córnea - forma fibrilas, fibras e feixes.

 

fonte:

http://www2.ibb.unesp.br/departamentos/Morfologia/material_didatico/Profa_Maeli/Aulas_Bio/Aula_ConjuntivoI.pdf

 

 

Formação de colágeno tipo I

Tipo I é de colágeno o colágeno mais abundante no organismo.

Dentro da célula

  1. Durante a tradução, formam-se dois tipos de cadeias peptídicas em ribossomas ao longo do retículo endoplasmático rugoso (RER). Estes são chamados de cadeias de alfa-1 e alfa-2. Estas cadeias peptídicas (conhecidas como preprocollagen) têm peptídeos de registro em cada extremidade e um peptídeo sinal.
  2. A preprocollagen, em seguida, é liberado no lúmen do RER. Daí em diante os peptídeos de sinal são clivados dentro do RER e cadeias peptídicas são agora chamadas cadeias pro-alpha.
  3. Hidroxilação dos aminoácidos lisina e prolina ocorre no interior do lúmen. Este processo é dependente de ácido ascórbico (vitamina C) como cofator. Glycosylation mais resíduos de hidroxilisina específico ocorre.
  4. Estrutura helicoidal tripla é formada no interior do retículo endoplasmático cada duas cadeias de alfa-1 e uma cadeia alfa-2. Isso é chamado de procolágeno.
  5. Procolagénio é transportado para o complexo de Golgi, onde é embalado e secretada por exocitose.

Fora da célula

  1. Uma vez fora da célula, os peptídeos de registro são clivados e tropocolágeno é formado por procolágeno peptidase.
  2. Estas moléculas de tropocolágeno se reúnem para fibrilhas de colagénio forma, através de ligações covalentes, cross-linking de lisil oxidase, que liga a resíduos de hidroxilisina e lisina. Formulário de fibrilhas de colagénio vários em fibras de colágeno.
  3. Colágeno pode ser associado a membranas celulares através de vários tipos de proteína, incluindo fibronectina e integrinas.

 

fonte:

http://www.news-medical.net/health/Collagen-Synthesis-(Portuguese).aspx

 

 

User badge image

Erick Neri

Há mais de um mês

Infelizmente não havia aparecido notificação da sua resposta, e só vi agora. Mesmo não precisando mais, estou extremamente grato pela sua disponibilidade em responder, obrigado!

 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas