A maior rede de estudos do Brasil

Negligencia, imprudencia ou impericia: Qual é o mais nocivo?

Deontologia

UNIGRANRIO


2 resposta(s)

User badge image

Estudante PD

Há mais de um mês

"Nocivo" que você diz, se refere ao profissional ou ao prejudicado por uma das 3 causas? Bem, se for pro profissional, acho que qualquer um dos 3 é igualmente nocivo, pois todos são vistos como infração legal de forma ou outra. Mas acho que o mais "forte" de todos é a negligência, pois, neste caso, a pessoa está ciente do erro que está fazendo, mas mesmo assim prossegue com a ação. Mas depende do ponto de vista.
Na visão do prejudicado por uma das causas, creio que um profissional imperito seja o mais "nocivo".

"Nocivo" que você diz, se refere ao profissional ou ao prejudicado por uma das 3 causas? Bem, se for pro profissional, acho que qualquer um dos 3 é igualmente nocivo, pois todos são vistos como infração legal de forma ou outra. Mas acho que o mais "forte" de todos é a negligência, pois, neste caso, a pessoa está ciente do erro que está fazendo, mas mesmo assim prossegue com a ação. Mas depende do ponto de vista.
Na visão do prejudicado por uma das causas, creio que um profissional imperito seja o mais "nocivo".

User badge image

bruna Porto

Há mais de um mês

 Acredito que não é possível determinar qual é mais ou menos prejudicial, tanto a negligencia, quanto a imprudência e imperícia, podem levar a morte do paciente, considerado um erro gravíssimo no CEPE- Art. 121, com a infração do Art. 12, o enfermeiro pode perder o direito de exercer o exercício profissional. Art. 126.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes