A maior rede de estudos do Brasil

O que torna possível os íons Na+ e K+ irem contra seus gradientes naturais de concentração? E através de que estrutura?

Descreva como ocorre essa reação, onde não ocorre nem por osmose e nem por difusão.

Grande abraço!

Fisiologia Humana I

Humanas / Sociais


3 resposta(s)

User badge image

Estudante PD

Há mais de um mês

Já que não é por osmose nem por difusão acontece pelo TRANSPORTE ATIVO.

Moléculas ou íons sendo transportados “contra a corrente” 


Há dois tipos de transporte ativo:


1. Transporte ativo primário: por exemplo a bomba de sódio-potássio ATPase, onde o ATP é a fonte de energia.

Quanto à função da bomba: controla o volume celular (sem este mecanismo haveria lise celular).

Obs. A bomba de sódio-potássio ATPase é dita eletrogênica por criar um gradiente de concentrações iônicas (uma diferença de potencial elétrico) já que bomba na proporção de 3:2.
Há muitos outros mecanismos de bombas envolvendo íons diferentes como por exemplo a bomba de hidrogênio no estômago e a de cálcio nos músculos.

2. Transporte Ativo Secundário – a energia é proveniente da diferença de concentrações das membranas.
Tipos de T. Ativos Secundários:
    - co-transporte: substância puxa outra enquanto é transportada.
    - contratransporte: enquanto uma substância entra, uma outra sai utilizando-se da energia da primeira ou vice-versa.

Exemplos:  co-transporte sódio-glicose.
                 contratransporte de sódio-cálcio e sódio-hidrogênio.

3. Transporte ativo através de camadas celulares – 
Substância deve atravessar todas as camadas celulares e não só a membrana.
Exemplo: epitélio intestinal e glândular.

Já que não é por osmose nem por difusão acontece pelo TRANSPORTE ATIVO.

Moléculas ou íons sendo transportados “contra a corrente” 


Há dois tipos de transporte ativo:


1. Transporte ativo primário: por exemplo a bomba de sódio-potássio ATPase, onde o ATP é a fonte de energia.

Quanto à função da bomba: controla o volume celular (sem este mecanismo haveria lise celular).

Obs. A bomba de sódio-potássio ATPase é dita eletrogênica por criar um gradiente de concentrações iônicas (uma diferença de potencial elétrico) já que bomba na proporção de 3:2.
Há muitos outros mecanismos de bombas envolvendo íons diferentes como por exemplo a bomba de hidrogênio no estômago e a de cálcio nos músculos.

2. Transporte Ativo Secundário – a energia é proveniente da diferença de concentrações das membranas.
Tipos de T. Ativos Secundários:
    - co-transporte: substância puxa outra enquanto é transportada.
    - contratransporte: enquanto uma substância entra, uma outra sai utilizando-se da energia da primeira ou vice-versa.

Exemplos:  co-transporte sódio-glicose.
                 contratransporte de sódio-cálcio e sódio-hidrogênio.

3. Transporte ativo através de camadas celulares – 
Substância deve atravessar todas as camadas celulares e não só a membrana.
Exemplo: epitélio intestinal e glândular.

User badge image

Mário Vinicius Coelho

Há mais de um mês

Obrigado Mayara, você foi direta logo de inicio e após isso explicou bem cada um dos tipos de transportes! Obrigado!

User badge image

Leticia Siqueira Macedo

Há mais de um mês

Ocorre pela Bomba de sodio potassio 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes