A maior rede de estudos do Brasil

Qual recurso é cabível em face de despachos de mero expediente?


5 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

Carlos Eduardo Ferreira de Souza Verified user icon

Há mais de um mês

Não cabem recursos de despachos, pela ausência de conteúdo decisório.

"Art. 1.001, do CPC. Dos despachos não cabe recurso."

"Art. 203. Os pronunciamentos do juiz consistirão em sentenças, decisões interlocutórias e despachos.

§ 1º Ressalvadas as disposições expressas dos procedimentos especiais, sentença é o pronunciamento por meio do qual o juiz, com fundamento nos arts. 485 e 487 , põe fim à fase cognitiva do procedimento comum, bem como extingue a execução.

§ 2º Decisão interlocutória é todo pronunciamento judicial de natureza decisória que não se enquadre no § 1º.

§ 3º São despachos todos os demais pronunciamentos do juiz praticados no processo, de ofício ou a requerimento da parte."

Não cabem recursos de despachos, pela ausência de conteúdo decisório.

"Art. 1.001, do CPC. Dos despachos não cabe recurso."

"Art. 203. Os pronunciamentos do juiz consistirão em sentenças, decisões interlocutórias e despachos.

§ 1º Ressalvadas as disposições expressas dos procedimentos especiais, sentença é o pronunciamento por meio do qual o juiz, com fundamento nos arts. 485 e 487 , põe fim à fase cognitiva do procedimento comum, bem como extingue a execução.

§ 2º Decisão interlocutória é todo pronunciamento judicial de natureza decisória que não se enquadre no § 1º.

§ 3º São despachos todos os demais pronunciamentos do juiz praticados no processo, de ofício ou a requerimento da parte."

User badge image

Eduarda

Há mais de um mês

nenhum recurso. nao tem conteudo decisorio.

User badge image

Iliane

Há mais de um mês

Contra despachos não cabe nenhum recurso porque não têm cunho decisório.
User badge image

João

Há mais de um mês

Nas palavras do Ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal: "Os declaratórios visam à integração do pronunciamento judicial embargado. São cabíveis em qualquer processo, em qualquer procedimento, contra decisão monocrática ou de colegiado, e resistem, mesmo, à cláusula da irrecorribilidade".

Araken de Assis dá bom exemplo para embargos de declaração contra despacho: o juiz designa audiência de instrução e julgamento para determinado dia, mas não indica o horário. Há omissão a ser suprida por embargos de declaração.

Na verdade, os embargos de declaração cabem de qualquer pronunciamento judicial, mesmo quando a lei o qualifique como irrecorrivel. Segundo José Carlos Barbosa Moreira: "Tampouco importa que a decisão seja definitiva ou não, final ou interlocutória. Ainda quando o texto legal, expressis verbis, a qualifique de 'irrecorrível', há de entender-se que o faz com a ressalva implícita concernente aos embargos de declaração".

Didier, v. 3., 2016

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas