A maior rede de estudos do Brasil

Em um neurônio típico o PA possui três fases bem definidas


2 resposta(s)

User badge image

RODRIGO

Há mais de um mês

Olá Mary Cruz!

As 3 etapas de PA de um neurônio são:

1) A Despolarização é a etapa na qual a membrana torna-se extremamente permeável aos íons Na+, ocorre o influxo de Na+ e consequente aumento de carga positiva intracelular e a membrana celular passa a apresentar agora um potencial inverso daquele encontrado nas condições de repouso da célula.

2) A Repolarização é a etapa em que ocorre fechamento dos canais de Na+ e abertura dos canais de K+. Isso provoca um grande fluxo de íons potássio de dentro pra fora da célula. Os íons sódio que estavam em grande quantidade no interior da célula, vão sendo transportados ativamente pro exterior, pela bomba de sódio-potássio, fazendo com que o potencial na membrana celular volte a ser negativo.

3) O Repouso é o retorno às condições normais de repouso encontradas na membrana celular antes da mesma ser excitada e despolarizada. Nesta fase a permeabilidade aos íons potássio retorna ao normal e a célula rapidamente retorna às suas condições normais.

Olá Mary Cruz!

As 3 etapas de PA de um neurônio são:

1) A Despolarização é a etapa na qual a membrana torna-se extremamente permeável aos íons Na+, ocorre o influxo de Na+ e consequente aumento de carga positiva intracelular e a membrana celular passa a apresentar agora um potencial inverso daquele encontrado nas condições de repouso da célula.

2) A Repolarização é a etapa em que ocorre fechamento dos canais de Na+ e abertura dos canais de K+. Isso provoca um grande fluxo de íons potássio de dentro pra fora da célula. Os íons sódio que estavam em grande quantidade no interior da célula, vão sendo transportados ativamente pro exterior, pela bomba de sódio-potássio, fazendo com que o potencial na membrana celular volte a ser negativo.

3) O Repouso é o retorno às condições normais de repouso encontradas na membrana celular antes da mesma ser excitada e despolarizada. Nesta fase a permeabilidade aos íons potássio retorna ao normal e a célula rapidamente retorna às suas condições normais.

User badge image

Estudante

Há mais de um mês

POTENCIAL DE REPOUSO

.......=> O potencial de repouso da membrana é uma carga elétrica de aproximadamente -75 milivolts (mV) que existe entre o lado interno e o lado externo da membrana. Esta pequena carga é a base de todos os fenômenos da bioeletricidade, isto é, a geração e uso de energia elétrica por células excitáveis, tais como o neurônio, para executar suas funções de armazenamento e transmissão de informação. Pode ser dito que o Potencial de Repouso é o potencial de membrana antes que ocorra a excitação da célula nervosa, ou o potencial gerado pela bomba de Na e K que joga 3 Na + para fora e 2 K + para dentro contra os seus gradientes de concentração, pela permeabilidade seletiva da membrana ao K + e não ao Na + e pelos ânions com carga negativa retidos no interior da célula pela membrana celular.

 

POTENCIAL DE AÇÃO

  • Com a excitação da células nervosa, por estímulos que atinjam o limiar de excitabilidade da célula ( -65mV), um potencial de ação será disparado dentro de um princípio denominado de “tudo ou nada”.
  • O potencial de ação se caracteriza por três etapas distintas: Despolarização, repolarização e hiperpolarização

ETAPA DE DESPOLARIZAÇÃO

.......=> é a etapa em que a membrana torna-se extremamente permeável aos íons Na+, ocorre portanto influxo de Na+ e conseqüente aumento de carga positiva no interior da célula. Nesta fase a célula parte de -75mVe atinge +35 mV

 

ETAPA DE REPOLARIZAÇÃO

.......=> é a etapa em que ocorre fechamento dos canais de Na+ e abertura dos canais de K+. Nesta fase a célula parte de +35 mV e atinge -75 mV

 

ETAPA DE HIPERPOLARIZAÇÃO

.......=> é um período de alguns milissegundos em que a célula não reage aos neurotransmissores pois estão com excesso de negatividade em seu interior o que impede a ocorrência de um novo potencial de ação. Nesta fase a célula parte de -75mv e chega até -90 mV.

.......Com base nessas informações fica fácil entender que uma SINAPSE EXCITATÓRIA utilizará a abertura dos canais de Na+ e uma SINAPSE INIBITÓRIA utilizará da abertura dos canais de K +.

 

A natureza excitatória ou inibitória está na dependência do neurotransmissor liberado e na natureza do receptor estimulado. EX: um neurônio é excitado pela Acetilcolina e inibido pelo GABA ou Glicina.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes