A maior rede de estudos do Brasil

qual a diferença entre regime jurídico administrativo e direito administrativo ?

prq direito administrativo não seria o conjunto de normas que disciplinam o funcionamento da ADM pública ? e o que seria o regime jurídico administrativo ? ele está dentro do direito administrativo?

2 resposta(s)

User badge image

Especialistas PD

Há mais de um mês

O Professor Matheus Carvalho define regime jurídico administrativo como o “conjunto harmônico de princípios que definem a lógica da atuação do ente público, a qual se baseia na existência de limitações e prerrogativas em face do interesse público. Esses princípios devem guardar entre si lógica, havendo entre eles, um ponto de coincidência.”

Direito Administrativo, por sua vez, é o “ramo do direito público que tem como objetivo atingir os fins desejados pelo Estado de forma direta, concreta e imediata, de forma que não se confunde a função administrativa com as demais funções do Estado, seja ela a função política, jurisdicional ou legislativa.”

Nesse sentido, o regime jurídico administrativo é a “espinha dorsal” do Direito Administrativo, é a parte desse ramo do direito que lhe confere base e orientação.

(Matheus Carvalho. Manual de Direito Administrativo. 3ª ed. pg. 53)

O Professor Matheus Carvalho define regime jurídico administrativo como o “conjunto harmônico de princípios que definem a lógica da atuação do ente público, a qual se baseia na existência de limitações e prerrogativas em face do interesse público. Esses princípios devem guardar entre si lógica, havendo entre eles, um ponto de coincidência.”

Direito Administrativo, por sua vez, é o “ramo do direito público que tem como objetivo atingir os fins desejados pelo Estado de forma direta, concreta e imediata, de forma que não se confunde a função administrativa com as demais funções do Estado, seja ela a função política, jurisdicional ou legislativa.”

Nesse sentido, o regime jurídico administrativo é a “espinha dorsal” do Direito Administrativo, é a parte desse ramo do direito que lhe confere base e orientação.

(Matheus Carvalho. Manual de Direito Administrativo. 3ª ed. pg. 53)

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes