A maior rede de estudos do Brasil

Parte imunológica na Artrite Reumatoide, alguém sabe explicar?

ImunologiaPUC-GOIÁS

2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

A artrite reumatoide (AR) é uma doença crônica autoimune sistêmica caracterizada pela inflamação frequente das articulações, que pode provocar deformidades nas juntas e afetar também outros tecidos e órgãos. Não há cura, mas pode ser controlada com medicamentos antirreumáticos.


A parte imunologica desta doença é resultante da deposição de imunocomplexos nas articulações.


Além dos fatores genéticos, a artrite reumatoide também pode estar associada a infecções virais e bacterianas. “Vírus e bactérias podem cair na corrente sanguínea e desencadear um desequilíbrio no sistema imunológico, resultando assim num quadro de artrite reumatoide”, alerta Tatiana. Ela conta que infecções urinárias, dores de dente e dores de garganta são alguns dos fatores que podem levar ao problema.

A artrite reumatoide (AR) é uma doença crônica autoimune sistêmica caracterizada pela inflamação frequente das articulações, que pode provocar deformidades nas juntas e afetar também outros tecidos e órgãos. Não há cura, mas pode ser controlada com medicamentos antirreumáticos.


A parte imunologica desta doença é resultante da deposição de imunocomplexos nas articulações.


Além dos fatores genéticos, a artrite reumatoide também pode estar associada a infecções virais e bacterianas. “Vírus e bactérias podem cair na corrente sanguínea e desencadear um desequilíbrio no sistema imunológico, resultando assim num quadro de artrite reumatoide”, alerta Tatiana. Ela conta que infecções urinárias, dores de dente e dores de garganta são alguns dos fatores que podem levar ao problema.

User badge image

Carolina

Há mais de um mês

A artrite reumatóide tem como base de sua patogenia o processo conhecido como Pannus, no qual ocorre um espessamento da camada sinovial da capsula articular e uma proliferação de sinoviócitos o que vai levar a uma neoformação vascular, facilitando a chegada de células de defesa e imune, como: TNF alfa, interleucina 1 e 6, colagenas , metaloproteinases e outras. Vale lembrar que as principais celulas desse processo são as células dendriticas, linfócito B e linfócito T. Tendo em mente isso o que acontece é que as células dendriticas fagocitam e apresentam o antígeno ao linfócito T, ele sinaliza para o linfócito B o qual sintetizará citocinas fazendo com que o processo perpetue. 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas