A maior rede de estudos do Brasil

Em quais situações os Estados seriam beneficiados pela Imunidade de jurisdição?

 

a) Atos praticados pelas embaixadas, inclusive os contratos locais e a concessão de vistos pelos consulados.

 

b) Atos praticados no exercício da função pelos militares e a venda de títulos da dívida pública pelo Estado.

 

c) Atos relacionados à entrada e à deportação de estrangeiros.

 

 

Obs.: Marcaria a letra "b''. Mas estou em dúvida com relação a c também. Se alguém souber e comentar, agradeço! :)


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Entende-se por imunidade jurisdicional "em virtude do privilégio, em virtude dos privilégios, jurisdição, e civil e criminal, proporcionados por certos estrangeiros, de seus cargos ou funções".


É necessário respeitar a independência do Estatuto. Como um estado, como uma entidade legal de direito estrangeiro, criando um padrão de imunidade jurisdicional, sabendo o quão importante é uma tradição jurídica nas relações internacionais. A constituição, seja sua redação original, ou mesmo a Emenda Constitucional 45/2004, dispõe que o tribunal da Justiça do Trabalho também adora cobrir as leis públicas externas, isto é, o direito internacional público.


Portanto, a demanda é a relação de trabalho, mesmo que se calcule o direito público de entidades externas, se a relação vem com o procedimento, é um tribunal de trabalho para resolver a disputa. A disposição da Constituição estipulada é considerada uma regra de jurisdição, bem como a distinção da imunidade da jurisdição.


Assim, a imunidade de jurisdição se aplica em atos praticados pelas embaixadas, inclusive os contratos locais e a concessão de vistos pelos consulados.

Entende-se por imunidade jurisdicional "em virtude do privilégio, em virtude dos privilégios, jurisdição, e civil e criminal, proporcionados por certos estrangeiros, de seus cargos ou funções".


É necessário respeitar a independência do Estatuto. Como um estado, como uma entidade legal de direito estrangeiro, criando um padrão de imunidade jurisdicional, sabendo o quão importante é uma tradição jurídica nas relações internacionais. A constituição, seja sua redação original, ou mesmo a Emenda Constitucional 45/2004, dispõe que o tribunal da Justiça do Trabalho também adora cobrir as leis públicas externas, isto é, o direito internacional público.


Portanto, a demanda é a relação de trabalho, mesmo que se calcule o direito público de entidades externas, se a relação vem com o procedimento, é um tribunal de trabalho para resolver a disputa. A disposição da Constituição estipulada é considerada uma regra de jurisdição, bem como a distinção da imunidade da jurisdição.


Assim, a imunidade de jurisdição se aplica em atos praticados pelas embaixadas, inclusive os contratos locais e a concessão de vistos pelos consulados.

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Entende-se por imunidade jurisdicional "em virtude do privilégio, em virtude dos privilégios, jurisdição, e civil e criminal, proporcionados por certos estrangeiros, de seus cargos ou funções".


É necessário respeitar a independência do Estatuto. Como um estado, como uma entidade legal de direito estrangeiro, criando um padrão de imunidade jurisdicional, sabendo o quão importante é uma tradição jurídica nas relações internacionais. A constituição, seja sua redação original, ou mesmo a Emenda Constitucional 45/2004, dispõe que o tribunal da Justiça do Trabalho também adora cobrir as leis públicas externas, isto é, o direito internacional público.


Portanto, a demanda é a relação de trabalho, mesmo que se calcule o direito público de entidades externas, se a relação vem com o procedimento, é um tribunal de trabalho para resolver a disputa. A disposição da Constituição estipulada é considerada uma regra de jurisdição, bem como a distinção da imunidade da jurisdição.


Assim, a imunidade de jurisdição se aplica em atos praticados pelas embaixadas, inclusive os contratos locais e a concessão de vistos pelos consulados.

User badge image

Estudante

Há mais de um mês

Faço trabalhos acadêmicos e trabalhos de conclusão de curso (TCC). Interessados entrar em contato: larissycarneiro@outlook.com.
User badge image

Andre

Há mais de um mês

Entende-se por imunidade jurisdicional "em virtude do privilégio, em virtude dos privilégios, jurisdição, e civil e criminal, proporcionados por certos estrangeiros, de seus cargos ou funções".


É necessário respeitar a independência do Estatuto. Como um estado, como uma entidade legal de direito estrangeiro, criando um padrão de imunidade jurisdicional, sabendo o quão importante é uma tradição jurídica nas relações internacionais. A constituição, seja sua redação original, ou mesmo a Emenda Constitucional 45/2004, dispõe que o tribunal da Justiça do Trabalho também adora cobrir as leis públicas externas, isto é, o direito internacional público.


Portanto, a demanda é a relação de trabalho, mesmo que se calcule o direito público de entidades externas, se a relação vem com o procedimento, é um tribunal de trabalho para resolver a disputa. A disposição da Constituição estipulada é considerada uma regra de jurisdição, bem como a distinção da imunidade da jurisdição.


Assim, a imunidade de jurisdição se aplica em atos praticados pelas embaixadas, inclusive os contratos locais e a concessão de vistos pelos consulados.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas