A maior rede de estudos do Brasil

Porque o M. Iliopsoas é o principal MM. flexor do quadril além de 90º??

CinesiologiaUNICAP

3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Os músculos tratam-se de tecidos do corpo humano que têm por função a contração e a distensão das células para possibilitar os movimentos. As centenas de músculos que constituem o corpo humano além de auxiliar no movimento, torna o esqueleto estável e preenche o corpo, ligando os ossos com o sistema nervoso.

Nesse contexto, o Músuclo Iliopsoas faz parte dos músculos internos do quadril - mais precisamente ele é formado pela união ilíaco e do psoas maior. O mesmo é essencial para o movimento do quadril, uma vez que além da flexão do mesmo, possibilita a rotação lateral da coxa, a flexão da coluna e a movimentação e estabilização da pelve.

A figura abaixo apresenta o iliopsoas.


Músculo Iliopsoas. Fonte: Kenhub. Acesso 1 jul. 2019.

Os músculos tratam-se de tecidos do corpo humano que têm por função a contração e a distensão das células para possibilitar os movimentos. As centenas de músculos que constituem o corpo humano além de auxiliar no movimento, torna o esqueleto estável e preenche o corpo, ligando os ossos com o sistema nervoso.

Nesse contexto, o Músuclo Iliopsoas faz parte dos músculos internos do quadril - mais precisamente ele é formado pela união ilíaco e do psoas maior. O mesmo é essencial para o movimento do quadril, uma vez que além da flexão do mesmo, possibilita a rotação lateral da coxa, a flexão da coluna e a movimentação e estabilização da pelve.

A figura abaixo apresenta o iliopsoas.


Músculo Iliopsoas. Fonte: Kenhub. Acesso 1 jul. 2019.

User badge image

Natália

Há mais de um mês

Porque acima de 90º os outros músculos que também realizão a flexão do quadril (sartório e tensor da fáscia lata) junto ao iliopsoas não atuam e o iliopsoas passa a trabalhar sozinho. 

Mais uma vez, perdão pela demora em responder!

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas