A maior rede de estudos do Brasil

1- Diferencie os potencias de ação das células nervosas, cardíaca de resposta rápida e lenta.


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

O potencial de ação que se estabelece na área da membrana estimulada perturba a área vizinha, levando à sua despolarização.


O estímulo provoca, assim, uma onda de despolarizações e repolarizações que se propaga ao longo da membrana plasmática do neurônio. Essa onda de propagação é o impulso nervoso.


Esse impulso nervoso, ou potencial de ação,  é uma alteração brusca e rápida da diferença de potencial transmembrana. Normalmente, como vimos no artigo anterior desta série, a membrana do neurônio é polarizada em repouso, sendo que o potencial é negativo ( -70 mV). O potencial de ação consiste de uma redução rápida da negatividade da membrana até 0mV e inversão deste potencial até valores de cerca de +30mV, seguido de um retorno também rápido até valores um pouco mais negativos que o potencial de repouso de -70mV.


A célula muscular (e outras) geralmente está polarizada, devida à diferença na concentração de cargas eléctricas entre os 2 lados da membrana celular, isto é, entre os meios intra e extracelular.

Fonte:

http://angomed.com/electrofisiologia-basica/

https://www.sobiologia.com.br/conteudos/FisiologiaAnimal/nervoso4.php

http://www.cerebromente.org.br/n10/fundamentos/pot2.htm

O potencial de ação que se estabelece na área da membrana estimulada perturba a área vizinha, levando à sua despolarização.


O estímulo provoca, assim, uma onda de despolarizações e repolarizações que se propaga ao longo da membrana plasmática do neurônio. Essa onda de propagação é o impulso nervoso.


Esse impulso nervoso, ou potencial de ação,  é uma alteração brusca e rápida da diferença de potencial transmembrana. Normalmente, como vimos no artigo anterior desta série, a membrana do neurônio é polarizada em repouso, sendo que o potencial é negativo ( -70 mV). O potencial de ação consiste de uma redução rápida da negatividade da membrana até 0mV e inversão deste potencial até valores de cerca de +30mV, seguido de um retorno também rápido até valores um pouco mais negativos que o potencial de repouso de -70mV.


A célula muscular (e outras) geralmente está polarizada, devida à diferença na concentração de cargas eléctricas entre os 2 lados da membrana celular, isto é, entre os meios intra e extracelular.

Fonte:

http://angomed.com/electrofisiologia-basica/

https://www.sobiologia.com.br/conteudos/FisiologiaAnimal/nervoso4.php

http://www.cerebromente.org.br/n10/fundamentos/pot2.htm

User badge image

Leny

Há mais de um mês

prova da fisiologia humana v2

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas