A maior rede de estudos do Brasil

É possível purificar um colóide usando filtro comum?

Explique o porquê


3 resposta(s)

User badge image

Matheus

Há mais de um mês

Os colóides são misturas cujas partículas são minúsculas (de 100 a 1 nm) e somente são separadas com um ultra-filtro.

Dessa forma, sendo a água de represa um colóide, o filtro comum não retirou as partículas de menor tamanho. Portanto, essa água após filtrada ainda tinha aspecto de um colóide.

 

 

 

Os colóides são misturas cujas partículas são minúsculas (de 100 a 1 nm) e somente são separadas com um ultra-filtro.

Dessa forma, sendo a água de represa um colóide, o filtro comum não retirou as partículas de menor tamanho. Portanto, essa água após filtrada ainda tinha aspecto de um colóide.

 

 

 

User badge image

Aline

Há mais de um mês

Não, as partículas são extremamente pequenas. 

User badge image

Especialistas PD

Há mais de um mês

Quando misturamos um soluto num solvente, existem três tipos de dispersões que podem ser formadas: as soluções, os coloides e suspensões.

As soluções verdadeiras são homogêneas, isto é, conseguimos observar (a olho nu ou com um microscópio) uma única fase, pois o tamanho das partículas dispersas são menores que 1 nm. Além disso, não é possível separar seus componentes por meio de processos físicos, como uma filtração.

O oposto total são as suspensões, que são heterogêneas. Observamos duas fases ou mais, sendo que o tamanho das partículas dispersas é acima de 1000 nm e é possível separar seus componentes usando processos físicos, essas partículas podem ser retidas por um filtro.

Já os coloides são suspensões que se situam entre esses dois tipos de dispersões. A olho nu, achamos que o coloide é uma solução verdadeira, mas, com a ajuda de um microscópio, notamos que na verdade se trata de uma mistura heterogênea.

Por exemplo, o leite é um coloide no qual vemos apenas uma fase branca, mas, sob o olhar do microscópio, percebemos que existem gorduras dispersas na água.

O tamanho das partículas dispersas nos coloides está entre 1 e 1000 nm e elas não se sedimentam sob ação da gravidade, mas ficam dispersas em toda a extensão da dispersão. Para separá-las, pode-se usar uma ultracentrífuga.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes