A maior rede de estudos do Brasil

Alguém sabe como calculo o volume entre duas superfícies no cad civil 3d?

Tenho um perfil geológico de um rio e quero calcular o volume até determinada cota. Fiz uma superfície para o terreno natural e outra superfície para a cota (plano). E agora, como proceder para encontrar o volume entre elas?


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Uma das tarefas mais comuns em projetos de engenharia civil é o cálculo do volume entre duas superfícies - por exemplo, para o volume de terra que se move entre a forma antiga e a nova da superfície do terreno (superfície superior).


Se você tiver o AutoCAD Civil 3D, é apenas uma questão de executar a função padrão correta para esse cálculo. Mas se você tiver apenas um AutoCAD comum, essa tarefa não será fácil de resolver. Vamos ter dois conjuntos de coordenadas de pontos, descrevendo a superfície do terreno existente (antiga) e planejada (nova).


Primeiro, você precisará criar uma superfície 3D a partir desses pontos. Para calcular o volume entre duas superfícies, precisamos "normalizar" sua forma, elas devem compartilhar exatamente a mesma borda (na vista de planta) para que o volume total possa ser calculado como a soma dos prismas individuais entre as superfícies.

Uma das tarefas mais comuns em projetos de engenharia civil é o cálculo do volume entre duas superfícies - por exemplo, para o volume de terra que se move entre a forma antiga e a nova da superfície do terreno (superfície superior).


Se você tiver o AutoCAD Civil 3D, é apenas uma questão de executar a função padrão correta para esse cálculo. Mas se você tiver apenas um AutoCAD comum, essa tarefa não será fácil de resolver. Vamos ter dois conjuntos de coordenadas de pontos, descrevendo a superfície do terreno existente (antiga) e planejada (nova).


Primeiro, você precisará criar uma superfície 3D a partir desses pontos. Para calcular o volume entre duas superfícies, precisamos "normalizar" sua forma, elas devem compartilhar exatamente a mesma borda (na vista de planta) para que o volume total possa ser calculado como a soma dos prismas individuais entre as superfícies.

User badge image

Jaírle Sousa

Há mais de um mês

Acesse...

www.youtube.com/watch?v=506ADIPwZ_A

User badge image

Andre Smaira

Há mais de um mês

Uma das tarefas mais comuns em projetos de engenharia civil é o cálculo do volume entre duas superfícies - por exemplo, para o volume de terra que se move entre a forma antiga e a nova da superfície do terreno (superfície superior).


Se você tiver o AutoCAD Civil 3D, é apenas uma questão de executar a função padrão correta para esse cálculo. Mas se você tiver apenas um AutoCAD comum, essa tarefa não será fácil de resolver. Vamos ter dois conjuntos de coordenadas de pontos, descrevendo a superfície do terreno existente (antiga) e planejada (nova).


Primeiro, você precisará criar uma superfície 3D a partir desses pontos. Para calcular o volume entre duas superfícies, precisamos "normalizar" sua forma, elas devem compartilhar exatamente a mesma borda (na vista de planta) para que o volume total possa ser calculado como a soma dos prismas individuais entre as superfícies.

User badge image

Andre Smaira

Há mais de um mês

Uma das tarefas mais comuns em projetos de engenharia civil é o cálculo do volume entre duas superfícies - por exemplo, para o volume de terra que se move entre a forma antiga e a nova da superfície do terreno (superfície superior).


Se você tiver o AutoCAD Civil 3D, é apenas uma questão de executar a função padrão correta para esse cálculo. Mas se você tiver apenas um AutoCAD comum, essa tarefa não será fácil de resolver. Vamos ter dois conjuntos de coordenadas de pontos, descrevendo a superfície do terreno existente (antiga) e planejada (nova).


Primeiro, você precisará criar uma superfície 3D a partir desses pontos. Para calcular o volume entre duas superfícies, precisamos "normalizar" sua forma, elas devem compartilhar exatamente a mesma borda (na vista de planta) para que o volume total possa ser calculado como a soma dos prismas individuais entre as superfícies.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas