A maior rede de estudos do Brasil

contribuição de freud para a educação

 Assinale a alternativa incorreta a partir dos pressupostos teóricos freudianos:
a) As contribuições de Freud à educação dizem respeito primeiramente à transmissão de
conhecimento através dos Inconscientes.
b) O Inconsciente não é o conceito fundamental da psicanálise
c) Ao pensarmos no inconsciente podemos nos conceber também como sujeitos do
desconhecimento, no qual algo sempre escapa à pretensão de controle consciente, como, por
exemplo, de tudo o que aprendemos.
d) Outra referência de Freud à educação diz respeito à importância da relação professor-aluno, o que
nos leva a pensar na questão da transferência sob o aspecto de um fenômeno que não se passa apenas entre paciente e terapeuta, mas que perpassa todas as relações humanas. Embora o que se
passa na escola seja diferente, na psicanálise a transferência constitui seu próprio instrumento de
trabalho.
e) O papel da educação é visto na Teoria Freudiana como auxiliar da sublimação sexual (já que seus
argumentos afirmam que a curiosidade intelectual é derivada da curiosidade sexual).


5 resposta(s)

User badge image

claudia

Há mais de um mês

uma das contribuições da psicanálise para o campo educacional é um novo olhar sobre o problema da debilidade do pensamento, e a relação desta com o desenvolvimento da criança e a sexualidade, o que tira a problemática do campo orgânico e a lança no plano do psiquismo.

uma das contribuições da psicanálise para o campo educacional é um novo olhar sobre o problema da debilidade do pensamento, e a relação desta com o desenvolvimento da criança e a sexualidade, o que tira a problemática do campo orgânico e a lança no plano do psiquismo.

User badge image

Veronice

Há mais de um mês

                 

                  Inquestionavelmente, as experiências e experimentos de Freud foram de grande contribuição para todos os envolvidos na área da educação; porque através de seus estudos e experiências, o educador tem o conhecimento mais abrangente sobre o funcionamento da mente humana e sua relação com a sexualidade, e pode identificar as características e necessidades peculiares de cada fase da aprendizagem.   Aprender de forma minuciosa, a fase que cada indivíduo está e que informações podem receber de acordo com sua maturação emocional, facilita e aperfeiçoa o trabalho do profissional. Graças ao conhecimento freudiano sobre psicanálise, e usando esses recursos como ferramentas pedagógicas, o professor é capaz de orientar seus alunos á se ocuparem com atividades intelectuais adequadas, estimulando assim o próprio processo de sublimação. Esse processo de sublimação é o ato do indivíduo direcionar suas pulsões, ou seja, sua energia sexual, que é natural do ser humano, para algo não sexual, como o trabalho por exemplo. Segundo o teórico essa energia continuará sendo sexual, mas o objeto para o qual ela foi direcionada não mais, então esse processo é de grande valia para a educação do indivíduo, pois não sendo ela reprimida se tornará a base desse processo.

User badge image

Jacyanne

Há mais de um mês

Freud simplesmente fala que se o professor não tiver relação com o aluno,este não aprender! 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes