A maior rede de estudos do Brasil

o que é arguição de descumprimento de principio fundamental?

previsto na CF gostaria de saber qual artigo fala deste mecanismo jurídico o seu conceito quem pode propor e etc.


5 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

DLRV Advogados Verified user icon

Há mais de um mês

Trata-se de um instrumento jurídico de proteção dos direitos e garantias fundamentais a ser utilizado perante o Supremo Tribunal Federal.

O objeto da arguição é evitar ou reparar lesão a preceito fundamental, resultante de ato do Poder Público. Os preceitos fundamentais são entendidos como os direitos e garantias fundamentais da Constituição, bem como os fundamentos e objetivos fundamentais da República.

Pode ser de dois tipos: arguição preventiva (evitar lesão) e arguição repressiva (reparar lesão).

As partes legitimadas para propor a argüição de descumprimento de preceito fundamental serão os legitimados para a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIN) sendo: a) o Presidente da República; b) a Mesa do Senado Federal; c) a Mesa da Câmara dos Deputados; d) a Mesa de Assembléia Legislativa; e) o Governador de Estado; f) a Mesa de Assembléia Legislativa ou da Câmara Legislativa do Distrito Federal; g) o Governador de Estado ou do Distrito Federal; h) o Procurador-Geral da República; i)  o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil; j) partido político com representação no Congresso Nacional; l) confederação sindical ou entidade de classe de âmbito nacional.

O referido instituto está previsto nos artigos 102, e 103 da CRFB, bem como na Lei nº 9.882/1999.

 

Trata-se de um instrumento jurídico de proteção dos direitos e garantias fundamentais a ser utilizado perante o Supremo Tribunal Federal.

O objeto da arguição é evitar ou reparar lesão a preceito fundamental, resultante de ato do Poder Público. Os preceitos fundamentais são entendidos como os direitos e garantias fundamentais da Constituição, bem como os fundamentos e objetivos fundamentais da República.

Pode ser de dois tipos: arguição preventiva (evitar lesão) e arguição repressiva (reparar lesão).

As partes legitimadas para propor a argüição de descumprimento de preceito fundamental serão os legitimados para a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIN) sendo: a) o Presidente da República; b) a Mesa do Senado Federal; c) a Mesa da Câmara dos Deputados; d) a Mesa de Assembléia Legislativa; e) o Governador de Estado; f) a Mesa de Assembléia Legislativa ou da Câmara Legislativa do Distrito Federal; g) o Governador de Estado ou do Distrito Federal; h) o Procurador-Geral da República; i)  o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil; j) partido político com representação no Congresso Nacional; l) confederação sindical ou entidade de classe de âmbito nacional.

O referido instituto está previsto nos artigos 102, e 103 da CRFB, bem como na Lei nº 9.882/1999.

 

User badge image

Jéssica Ribeiro da Costa

Há mais de um mês

Arguição:  Ação ou efeito de arguir (acusar ou denunciar). Ou seja, Arguir descumprimento de princípio fundamental. Significa dizer que, o descumprimento não se trata especificamente de uma inconstitucionalidade, tampouco de uma contrariedade à Constituição, MAS,  viola  a determinados preceitos, que são os fundamentais. A argüição de descumprimento de preceito fundamental constitui mais uma das formas de controle concentrado de constitucionalidade ( verificação de compatibilidade com a Constituição da norma como um todo),prevista no artigo 102, § 1º, da Constituição Federal.Com efeito, a arguição vem somar-se aos mecanismos assecuratórios do princípio da supremacia constitucional, com a particularidade de tutelar com especificidade a supremacia dos preceitos fundamentais da Carta Magna.




 

User badge image

Ronie Ferreira de Aquino

Há mais de um mês

 

 

A arguição de descumprimento de preceito fundamental é o mecanismo mais pragmático para proteger a higidez do ordenamento jurídico, pois, quando todos os outros meios não sejam capaz de proteger os fundamentos lógico-jurídicos (espalhados na forma de normas e princípios) da Constituição Federal entra a ADPF.

 

Fonte:

http://www.ambito-juridico.com.br/site/?n_link=revista_artigos_leitura&artigo_id=10158&revista_caderno=9

 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas