A maior rede de estudos do Brasil

o que é o tipo penal misto alternativo?

soluçao de conflito


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

Passei Direto

Há mais de um mês

O tipo misto pode ser alternativo ou cumulativo.

É alternativo quando a lei estabelece diversos núcleos que, se praticados no mesmo contexto fático, caracterizam o cometimento de apenas um delito. No tráfico de drogas, por exemplo, se “A” importa a pasta base de cocaína, prepara a substância e expõe o produto final à venda, será punido por apenas um delito, embora, no caso, a pena possa ser aumentada com base nas circunstâncias judiciais.

O tipo é misto cumulativo quando a lei estabelece várias condutas nucleares que, se praticadas seguidamente, ainda que em contexto único, ensejam o concurso material. É o caso, por exemplo, do art. 198 do Código Penal, que pune as condutas de constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a celebrar contrato de trabalho, ou a não fornecer a outrem ou não adquirir de outrem matéria-prima ou produto industrial ou agrícola.

O tipo misto pode ser alternativo ou cumulativo.

É alternativo quando a lei estabelece diversos núcleos que, se praticados no mesmo contexto fático, caracterizam o cometimento de apenas um delito. No tráfico de drogas, por exemplo, se “A” importa a pasta base de cocaína, prepara a substância e expõe o produto final à venda, será punido por apenas um delito, embora, no caso, a pena possa ser aumentada com base nas circunstâncias judiciais.

O tipo é misto cumulativo quando a lei estabelece várias condutas nucleares que, se praticadas seguidamente, ainda que em contexto único, ensejam o concurso material. É o caso, por exemplo, do art. 198 do Código Penal, que pune as condutas de constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a celebrar contrato de trabalho, ou a não fornecer a outrem ou não adquirir de outrem matéria-prima ou produto industrial ou agrícola.

User badge image

Igor

Há mais de um mês

Princípio da Alternatividade (ou tipo penal misto): Ocorre este princípio quando o tipo penal contiver mais de um verbo incriminador e o agente infringir mais de um deles,  responderá somente por um crime.

Exemplo o caput do artigo 33 da Lei antidrogas (Lei n° 11.343/2006):
Art. 33.  Importar, exportar, remeter, preparar, produzir, fabricar, adquirir, vender, expor à venda, oferecer, ter em depósito, transportar, trazer consigo, guardar, prescrever, ministrar, entregar a consumo ou fornecer drogas, ainda que gratuitamente, sem autorização ou em desacordo com determinação legal ou regulamentar.

Neste artigo, encontramos 18 verbos incriminadores, suponhamos que o agente importe, transporte e comercialize drogas, ele responderá por um artigo único, pelo princípio da alternatividade (ou tipo penal misto). 

Espero ter ajudado!

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas