A maior rede de estudos do Brasil

1) Diferencia "as teorias da anomia" desenvolvidas por E. Durkheim e R. Merton, das "teorias das subculturas criminais".

alguem pode me ajudar? pergunta pra matéria de criminologia


3 resposta(s)

User badge image

Fabiana De Matias Rodrigues

Há mais de um mês

Para Merton, anomia significa uma incapacidade do indivíduo em atingir os seus fins culturais e ocorre quando, devido à insuficiência dos meios institucionalizados, o insucesso em atingir esses fins gera conduta desviante. É por isso que, segundo Merton, a maioria dos crimes são cometidos por membros das classes menos favorecidas. A teoria da anomia de Merton explica por que os membros das classes menos favorecidas cometem a maioria das infrações penais, e crimes de motivação política.

Para Emile Durkheim,  anomia e um problema social, pois é um mal gerado pela incapacidade de geração de cultura, ou seja, perda de identidade, que é um advento da modernização exacerbada e da racionalização das atividades humanas, cada vez mais exigida. A Teoria da Anomia de Merton é um prolongamento da Teoria da Anomia de Durkheim, que considerou o conceito de anomia em seus dois trabalhos: Da Divisão do Trabalho Social e O Suicídio, além de outro que também produziu como As regras do método sociológico. Durkheim tentava explicar as consequências patológicas da divisão do trabalho, do declínio da solidariedade social e do conflito entre classes sociais. Essas condições não permitiam um conjunto de regras comuns, que constitui o principal mecanismo de disciplina das relações entre elementos de um sistema social,  o que daria causa a uma situação de anomia ou de ausência de normas. A ausência de tais regras conduziria à desintegração social. 

Para Merton, anomia significa uma incapacidade do indivíduo em atingir os seus fins culturais e ocorre quando, devido à insuficiência dos meios institucionalizados, o insucesso em atingir esses fins gera conduta desviante. É por isso que, segundo Merton, a maioria dos crimes são cometidos por membros das classes menos favorecidas. A teoria da anomia de Merton explica por que os membros das classes menos favorecidas cometem a maioria das infrações penais, e crimes de motivação política.

Para Emile Durkheim,  anomia e um problema social, pois é um mal gerado pela incapacidade de geração de cultura, ou seja, perda de identidade, que é um advento da modernização exacerbada e da racionalização das atividades humanas, cada vez mais exigida. A Teoria da Anomia de Merton é um prolongamento da Teoria da Anomia de Durkheim, que considerou o conceito de anomia em seus dois trabalhos: Da Divisão do Trabalho Social e O Suicídio, além de outro que também produziu como As regras do método sociológico. Durkheim tentava explicar as consequências patológicas da divisão do trabalho, do declínio da solidariedade social e do conflito entre classes sociais. Essas condições não permitiam um conjunto de regras comuns, que constitui o principal mecanismo de disciplina das relações entre elementos de um sistema social,  o que daria causa a uma situação de anomia ou de ausência de normas. A ausência de tais regras conduziria à desintegração social. 

User badge image

wilton ribeiro

Há mais de um mês

Diferença entre subcultura e contracultura: ambas representam o enfrentamento desviante dos jovens em relação à cultura dominante.

-          Subcultura – aceita certos aspectos da cultura dominante, mas expressa sentimentos e crenças exclusivas de seu próprio grupo;

-          Contracultura – tem como elemento central o desafio à cultura dominante.

 

O sentimento de fracasso na sociedade de consumo é inevitável para a maioria dos grupos sociais.

 

Uma das formas de opção das minorias altamente desfavorecidas é a orientação sob uma estrutura social alternativa, constituindo-se uma subcultura criminal. Vários indivíduos, cada um dos quais funcionou como objeto de referência de outros, chegam de comum acordo a novo conjunto de critérios.

 

Fonte: Albert Cohen e a Teoria da subcultura delinqüente. artigos.

User badge image

ricardo cesar matheus filho

Há mais de um mês

na anomia ele é proprio para o delito, na subcultura ele adquire aquilo para ele.........

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes