A maior rede de estudos do Brasil

Por que os administradores de empresa precisam conhecer com profundidade os conceitos e as metodologias para a apuração dos custos de produção?

A aplicabilidade da Contabilidade de Custos


3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Em um mundo competitivo, as organizações estão se vendo mais preocupadas para continuarem no mercado e fazer a diferença no seu ramo. As empresas possuem cada vez mais a necessidade de ter uma boa gestão de seus custos, pois esta é uma das grandes maneiras de encarar os concorrentes, que muitas vezes, não estão preparados. O que não pode acontecer é a organização ter como meta, reduzir custos, mas não ter planejamento adequado, ou um bom controle de informações e do sistema, para poder realizar isso de fato.


O negócio para obter sua eficácia, precisa acompanhar as tecnologias e oscilações, que podem muitas vezes interferir e até mesmo prejudicar. É preciso entendimento administrativos, financeiros e também nos conceitos e controle de custos, para que desta forma a empresa esteja preparada sempre, identificando seus pontos fortes e fracos, além de suas oportunidades e ameaças, possuindo base sólida para a tomada de decisões.

A maioria das grandes empresas parece reconhecer que seus sistemas de custos não respondem ao ambiente competitivo de hoje (…) os métodos que empregam para apropriar custos dentre seus muitos produtos são irremediavelmente obsoletos. (…) De um modo muito simples, uma informação exata de custos pode proporcionar vantagem competitiva a uma empresa.” (WORTHY apud GOVINDARAJAN; SHANK, 1997, p. IX).

Saber gerenciar e usar de forma estratégica os custos revela a compreensão de muitos fatores dentro de uma organização. De acordo com Govindarajan e Shank (1997) o fato de compreender os custos, saber interpretá-los e usá-los a favor da eficiência e sucesso da empresa, gera a complexa interação do conjunto de direcionadores de custos em ação, em determinadas situações.
Hoje em dia, o conhecimento aguçado e a preocupação na eficiência do controle dos custos são imprescindíveis para qualquer organização que se espera manter atuante no mercado. Torna-se essencial “o perfeito gerenciamento dos ganhos, em uma extremidade, e dos custos e despesas, na outra.” (PEREZ; OLIVEIRA; COSTA, 2010, p. 15).


A globalização está cada vez mais ampla, necessitando e exigindo dos empreendedores e gerentes a eficácia nos controles econômicos, financeiros e operacionais. Afirma-se que esta é uma das grandes preocupações dos empresários modernos, que possuem “a necessidade de excelente gerenciamento de seus custos de produção, de bens e serviços.” (PEREZ JUNIOR; OLIVEIRA, 2009, p. 01). Para Bruni (2009), é por meio da contabilidade de custos que será visto e poderá ser feita a análise dos gastos da organização.


Quando aplica e utiliza adequadamente a contabilidade de custos, a organização pode vir a tomar melhores decisões, inclusive nos aspectos que tangem o desenvolvimento sustentável. A partir de um bom gerenciamento de custos, a organização, vem a ter maior controle de seus gastos e de onde pode investir, eliminar desperdícios, entre outras ações.


De acordo com Neto (2008), a contabilidade de custos é imprescindível para a determinação de lucro da organização, no controle de suas operações, pois se tem a necessidade de saber o que de fato se está fazendo e na tomada de decisões, para que a partir de então, as ações de produção e prestação de serviços sejam realizadas. Como regra da contabilidade, deve-se efetuar a separação dos gastos em três grupos: Investimentos, custos e despesas, são o que afirma Perez; Oliveira e Costa (2010). Essa separação serve para que a organização tenha definido de forma clara, objetiva e pertinente para apuração correta dos valores de produção, despesas, lucros, resultados, entre outros, o que vem a gerar melhores condições de tomadas de decisões.

Em um mundo competitivo, as organizações estão se vendo mais preocupadas para continuarem no mercado e fazer a diferença no seu ramo. As empresas possuem cada vez mais a necessidade de ter uma boa gestão de seus custos, pois esta é uma das grandes maneiras de encarar os concorrentes, que muitas vezes, não estão preparados. O que não pode acontecer é a organização ter como meta, reduzir custos, mas não ter planejamento adequado, ou um bom controle de informações e do sistema, para poder realizar isso de fato.


O negócio para obter sua eficácia, precisa acompanhar as tecnologias e oscilações, que podem muitas vezes interferir e até mesmo prejudicar. É preciso entendimento administrativos, financeiros e também nos conceitos e controle de custos, para que desta forma a empresa esteja preparada sempre, identificando seus pontos fortes e fracos, além de suas oportunidades e ameaças, possuindo base sólida para a tomada de decisões.

A maioria das grandes empresas parece reconhecer que seus sistemas de custos não respondem ao ambiente competitivo de hoje (…) os métodos que empregam para apropriar custos dentre seus muitos produtos são irremediavelmente obsoletos. (…) De um modo muito simples, uma informação exata de custos pode proporcionar vantagem competitiva a uma empresa.” (WORTHY apud GOVINDARAJAN; SHANK, 1997, p. IX).

Saber gerenciar e usar de forma estratégica os custos revela a compreensão de muitos fatores dentro de uma organização. De acordo com Govindarajan e Shank (1997) o fato de compreender os custos, saber interpretá-los e usá-los a favor da eficiência e sucesso da empresa, gera a complexa interação do conjunto de direcionadores de custos em ação, em determinadas situações.
Hoje em dia, o conhecimento aguçado e a preocupação na eficiência do controle dos custos são imprescindíveis para qualquer organização que se espera manter atuante no mercado. Torna-se essencial “o perfeito gerenciamento dos ganhos, em uma extremidade, e dos custos e despesas, na outra.” (PEREZ; OLIVEIRA; COSTA, 2010, p. 15).


A globalização está cada vez mais ampla, necessitando e exigindo dos empreendedores e gerentes a eficácia nos controles econômicos, financeiros e operacionais. Afirma-se que esta é uma das grandes preocupações dos empresários modernos, que possuem “a necessidade de excelente gerenciamento de seus custos de produção, de bens e serviços.” (PEREZ JUNIOR; OLIVEIRA, 2009, p. 01). Para Bruni (2009), é por meio da contabilidade de custos que será visto e poderá ser feita a análise dos gastos da organização.


Quando aplica e utiliza adequadamente a contabilidade de custos, a organização pode vir a tomar melhores decisões, inclusive nos aspectos que tangem o desenvolvimento sustentável. A partir de um bom gerenciamento de custos, a organização, vem a ter maior controle de seus gastos e de onde pode investir, eliminar desperdícios, entre outras ações.


De acordo com Neto (2008), a contabilidade de custos é imprescindível para a determinação de lucro da organização, no controle de suas operações, pois se tem a necessidade de saber o que de fato se está fazendo e na tomada de decisões, para que a partir de então, as ações de produção e prestação de serviços sejam realizadas. Como regra da contabilidade, deve-se efetuar a separação dos gastos em três grupos: Investimentos, custos e despesas, são o que afirma Perez; Oliveira e Costa (2010). Essa separação serve para que a organização tenha definido de forma clara, objetiva e pertinente para apuração correta dos valores de produção, despesas, lucros, resultados, entre outros, o que vem a gerar melhores condições de tomadas de decisões.

User badge image

Pedro

Há mais de um mês

Porque essa análise é de suma importância para que se possa conseguir uma relativa redução de custos e, simultaneamente, dinamizar todo o processo produtivo, investindo em setores que necessitam de especial atenção, a fim de expandir o negócio e se sobressair no mercado financeiro.

User badge image

Celina

Há mais de um mês

O processo de decisão, cada vez mais, exige atitudes rápidas e precisas na gestão das empresas. E conhecer os custos e suas variações é fator primordial para que a alternativa de decisão escolhida ocorra da forma mais acertada possível, no intuito de se otimizar o resultado.

 

User badge image

Joeder

Há mais de um mês

Quanto maior o conhecimento, dominio e especialização do administrador nas metodologias e técnicas em conceitos sobre custos, maior seu leque de conteúdo e sua visão sobre o processo produtivo. Com isso,a identificação de possiveis anomalias são visualizadas com maior agilidade, pois o administrador possui um conhecimento amplo sobre diversas técnicas e ferramentas administrativas que auxiliam na detecção dos problemas que estejam influenciando no processo produtivo, podendo com isso propor uma solução rápida e eficiente para os mesmos, e com isso reduzindo gastos desnecessários com a produção.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas