A história da psicologia escolar no Brasil assume um papel importante na área da Educação, a partir das construções ocorridas na interface da ciência

I. No início da psicologia escolar no Brasil, evidenciou-se o caráter clínico e terapêutico das intervenções realizadas.

II. A psicologia desenvolveu-se no Brasil principalmente para atender problemas da educação, sobretudo a formação de professores, mas não como área específica de atuação em psicologia escolar.

III. A relação estabelecida entre psicologia e educação revela-se bastante satisfatória para ambas, uma vez que possuem pontos de interesse convergentes, como, por exemplo, a relação entre desenvolvimento e aprendizagem.

IV. A psicologia não é uma ciência e não tem como objeto de estudo o homem e nem se preocupa com a educação.​
 

A) ​V, F, F, V.​

 

B) ​V, V, V, F.​

 

C) ​V, V, V, V.​

 

D) ​V, F, V, F.​

 

E) ​F, F, F, F.​

 

#psicologia-escolar
Disciplina:Psicologia da Educação I1.519 materiais