A maior rede de estudos do Brasil

Os direitos dos trabalhadores estrangeiros são os mesmos que os nossos ?

Há alguma diferença ?


5 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Devemos por em prática nossos conhecimentos em Direito para responder a questão.


Os trabalhadores estrangeiros possuem os mesmos direitos trabalhistas que os trabalhadores brasileiros. Segundo a lei, possuem direito a 13º salário, FGTS e férias de 30 dias.

Devemos por em prática nossos conhecimentos em Direito para responder a questão.


Os trabalhadores estrangeiros possuem os mesmos direitos trabalhistas que os trabalhadores brasileiros. Segundo a lei, possuem direito a 13º salário, FGTS e férias de 30 dias.

User badge image

marici

Há mais de um mês

é isso ae...

Se ele estiver trabalhando aqui sim, os direitos são iguais. No país dele, o direito é de acordo com a constituição do país dele ou o regime político, em fim, é de acordo com as regras de lá!

User badge image

Elias

Há mais de um mês

Ao trabalhar no país, o estrangeiro passa a ter os mesmos direitos trabalhistas de um empregado natural do Brasil, como 13º salário, FGTS e férias de 30 dias, entre outros. Também vale destacar a jornada padrão de oito horas diárias ou 44 por semana, com um dia de folga, preferencialmente aos domingos.

A dúvida surge quando a relação de trabalho não foi pactuada em território brasileiro como é o caso de empresas multinacionais ou organizações internacionais que enviam seus empregados para realizar tarefas em território brasileiro, ou ainda, empresas que enviam trabalhadores brasileiros para o exterior.

A diretriz da Justiça do Trabalho era de que a relação jurídica deveria ser regida pelas leis vigentes no país da prestação de serviço, conforme previsto no Enunciado de Súmula nº 207/TST, que foi cancelado pelo Tribunal Superior do Trabalho em abril de 2012. Mas o Tribunal há muito vinha estendendo a todas as categorias profissionais a aplicação da Lei nº 7.064/1982 que garantia somente aos empregados de empresas de engenharia no exterior, o direito à norma trabalhista mais benéfica (seja do país de contratação ou de prestação de serviço).

E o legislador, atento à jurisprudência que veio se firmando no TST, por meio da Lei nº 11.962/2009, alterou a redação do artigo 1º da Lei nº 7.064/82, estendendo o direito a todos os trabalhadores contratados no Brasil transferidos por seus empregadores para prestar serviços no exterior.

"Recentes construções jurisprudenciais , que têm afastado a aplicação da Súmula nº 207 .... indicam a prevalência do princípio da norma mais favorável sobre o princípio da territorialidade", afirmou a ministra Peduzzi, ressaltando que essa tendência também tem sido verificada no ordenamento jurídico de outros países.

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Devemos por em prática nossos conhecimentos em Direito para responder a questão.


Os trabalhadores estrangeiros possuem os mesmos direitos trabalhistas que os trabalhadores brasileiros. Segundo a lei, possuem direito a 13º salário, FGTS e férias de 30 dias.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas