A maior rede de estudos do Brasil

É possível que algo seja ilícito e, ao mesmo tempo, constitucional? Em caso afirmativo, cite um exemplo.

Gostou? Dê um ^ up (pro alto e avante!!!)!


2 resposta(s)

User badge image

Tiago Cunha

Há mais de um mês

Sim, simplesmente porque, conforme a classificação das normas constitucionais de José Afonso da Silva, ao lado, existem normas de eficácia contida (além das de eficácia plena e limitada).As normas de eficácia contida permitem restriçoes feitas por nomas infra-constitucionais. Ex: Prisão do depósitário infiel.

Sim, simplesmente porque, conforme a classificação das normas constitucionais de José Afonso da Silva, ao lado, existem normas de eficácia contida (além das de eficácia plena e limitada).As normas de eficácia contida permitem restriçoes feitas por nomas infra-constitucionais. Ex: Prisão do depósitário infiel.

User badge image

Rômulo C Ar

Há mais de um mês

Infelizmente sim prezados Srs. acadêmicos de Direito,

 

Apenas um exemplo, cito através de 2 notícias, veiculadas em 2 momentos distintos:

 

1ª 15/10/2010

 

Deputados aprovam reajuste de 61% para si mesmos

Projeto aprovado pela Câmara dos Deputados eleva os rendimentos de parlamentares, ministros e presidente ao teto do funcionalismo

Gabriel Castro
Deputados durante votação no plenário da Câmara

Deputados durante votação no plenário da Câmara (José Cruz/Agência Brasil)

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira, em votação simbólica, a proposta que reajusta o salário de parlamentares, do presidente da república, do vice-presidente e de ministros para 26,7 mil reais - valor recebido pelos ministros do Supremo Tribunal Federal, o atual teto do funcionalismo público. A matéria segue para o Senado, que também deve aprovar a medida ainda nesta quarta-feira.

A aprovação se deu graças a uma articulação entre as lideranças de todos os partidos - exceto o PSOL. Por 279 votos a favor, 35 contra e 3 abstenções, os deputados haviam aprovado a tramitação do texto em regime de urgência, o que deu celeridade à aprovação.

O reajuste corresponde a um aumento de 61% para os paralmentares, que hoje recebem 16,5 mil reais. A medida pode criar um efeito cascata, já que o salário dos deputados estaduais e dos vereadores é vinculado ao dos federais.

Segundo a Confederação Nacional dos Municípios, o impacto com o possível reajuste nas câmaras de vereadores pode chegar a 1,8 bilhão em 2011. Para evitar essa consequência, parlamentares articulam a elaboração de uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que ponha fim à vinculação.

fontehttp://veja.abril.com.br/noticia/brasil/deputados-aprovam-reajuste-de-61-a-si-mesmos

 

2ª 28/03/2013

 

Segundo site, deputados federais recebem cerca de R$ 142 mil entre benefícios e salários por mês

Reajustes dos valores de salário e de auxílios dos parlamentares e custo com gabinete aumentaram em mais R$ 20 mil 

Deputados federais aprovaram quatro das oito indicações saídas do Amazonas para a aprovação do Plano Nacional de Educação para o decênio 2011-2020

O valor dos gastos com deputados federais é um dos mais altos do mundo(ARQUIVO/AC)

Salário de quase R$ 30 mil por mês. Ajuda de custo para mudar para Brasília. Verba de aproximadamente R$ 30 mil mensais para pagar alimentação, pesquisas, aluguéis, combustível e consultoria. Até 25 funcionários, um gabinete, apartamento funcional com telefone liberado. Tudo isso e muito mais são os direitos e benefícios que cada um dos 513 deputados federais no Brasil tem à sua disposição para desempenhar suas atividades, como apresentar projetos, relatar outras propostas, votar, aprovar, rejeitar, fiscalizar o governo, apoiar o governo, representar a sociedade, ou a parte dela que o elegeu.

Os dados são do site Congresso em Foco (www.congressoemfoco.com.br) que em levantamento feito mostrou que um deputado e mais o gabinete dele custavam R$ 122 mil por mês até o início de 2011, quando o salário tinha acabado de subir para R$ 26.723,13. Mas, agora, com medidas tomadas no final da gestão de Marco Maia (PT-RS) e outras em curso na administração de Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), um gabinete deve custar R$ 142 mil por mês.

O salário dos deputados deve subir para R$ 28 mil, graças à PEC da Bondade, negociada pelos parlamentares com o aval de Henrique Eduardo Alves. O “cotão”, a verba multiuso que paga da refeição à passagem de avião, vai passar de R$ 29 mil por mês em média, para R$ 33 mil.E o auxílio-moradia vai de R$ 3 mil para R$ 3,8 mil por mês. Quem não recebe o benefício geralmente mora em um dos 432 apartamentos funcionais que ficam na Asa Sul e na Asa Norte, áreas nobres de Brasília. O presidente da Câmara tem direito a residência oficial no Lago Sul. Com os aumentos em curso, a conta final para o contribuinte será de quase R$ 1 bilhão por ano.

 

fonte: http://acritica.uol.com.br/manaus/manaus-amazonas-amazonia-Deputados-federais-Brasil-beneficios-salarios-camara-politica-salarios_0_890910915.html

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes