A maior rede de estudos do Brasil

Direito Penal I

Dois supostos assaltantes foram mortos, na sexta-feira, depois que teriam tentado invadir a casa de uma família na cidade de Palhoça (SC) ... Eles começaram a lutar na garagem até que Cecília teria encontrado uma pedra e acertado a cabeça do criminoso. Em depoimento à Polícia de Palhoça, o pedreiro Ézio confirmou que depois que sua mãe acertou o assaltante, ele ainda o golpeou na cabeça várias vezes, usando uma pedra e um martelo até se certificar que ele estaria morto. O outro suspeito, Márcio Leandro dos Santos, 25 anos, ouviu os gritos do suposto companheiro e entrou desarmado na garagem. Ele teria sido cercado pelos moradores da casa. Luiz Metz, 58 anos, e seus filhos Marcos, 19 anos, e Paulo Mertz, 34 anos. Depois de luta corporal, o suposto assaltante teria sido estrangulado dentro de um banheiro (http://noticias.terra.com.br/). Assinale a afirmação INCORRETA:
Quest.: 4
 
  A conduta de Cecília está abarcada pela justificante da legítima defesa.
  A teor do parágrafo único do artigo 23 do Código Penal, Ézio responderá pelo excesso em sua conduta, havendo, em qualquer caso deste artigo, uma conduta dolosa, que apenas será punida a título culposo se o limite do moderado (ou do necessário) no uso dos meios foi ultrapassado culposamente.
  Se Márcio Leandro entrou em luta para poder fugir dos moradores que tentavam estrangulá-lo, agia em legítima defesa própria. Se ele entrou em luta para salvar seu companheiro do excesso na conduta de Ézio que se iniciara em legítima defesa, agiu em legítima defesa de terceiro e, se vivo, não responderia por lesões corporais eventualmente ocasionadas.
  Se Márcio Leandro tentava fugir quando foi cercado pelos moradores, seu homicídio não estará abarcado pela justificante da legítima defesa, uma vez que já havia cessado a agressão injusta, e os autores responderão pelo crime.
  A conduta de Ezio está abarcada pela justificante da legítima defesa.

3 resposta(s)

User badge image

Jackeline Pereira [Adv]

Há mais de um mês

INCORRETA: A conduta de Cecília está abarcada pela justificante da legítima defesa. (Art.23 § único CP: O agente, em qualquer das hipóteses deste artigo, responderá pelo excesso doloso ou culposo.)

INCORRETA: A conduta de Cecília está abarcada pela justificante da legítima defesa. (Art.23 § único CP: O agente, em qualquer das hipóteses deste artigo, responderá pelo excesso doloso ou culposo.)

User badge image

Sandra Carvalho

Há mais de um mês

  A conduta de Ezio está abarcada pela justificante da legítima defesa.
User badge image

Estudante PD

Há mais de um mês

Dois supostos assaltantes foram mortos, na sexta-feira, depois que teriam tentado invadir a casa de uma família na cidade de Palhoça (SC) ... Eles começaram a lutar na garagem até que Cecília teria encontrado uma pedra e acertado a cabeça do criminoso. Em depoimento à Polícia de Palhoça, o pedreiro Ézio confirmou que depois que sua mãe acertou o assaltante, ele ainda o golpeou na cabeça várias vezes, usando uma pedra e um martelo até se certificar que ele estaria morto. O outro suspeito, Márcio Leandro dos Santos, 25 anos, ouviu os gritos do suposto companheiro e entrou desarmado na garagem. Ele teria sido cercado pelos moradores da casa. Luiz Metz, 58 anos, e seus filhos Marcos, 19 anos, e Paulo Mertz, 34 anos. Depois de luta corporal, o suposto assaltante teria sido estrangulado dentro de um banheiro (http://noticias.terra.com.br/). Assinale a afirmação INCORRETA:
Quest.: 4
 
   

A conduta de Cecília está abarcada pela justificante da legítima defesa.

Assertiva, correta, pois Cecília utilizando dos meios necessários afastou a injusta agressão não continuando com o ato lesivo. 

   

A teor do parágrafo único do artigo 23 do Código Penal, Ézio responderá pelo excesso em sua conduta, havendo, em qualquer caso deste artigo, uma conduta dolosa, que apenas será punida a título culposo se o limite do moderado (ou do necessário) no uso dos meios foi ultrapassado culposamente. 

Assertiva correta, pois, Ézio agiu com excesso, pois mesmo após afastada a injusta agressão que caracteriza a legítima defesa Ézio matou o delinquente, algo que não foi moderado em sua conduta. 

   

Se Márcio Leandro entrou em luta para poder fugir dos moradores que tentavam estrangulá-lo, agia em legítima defesa própria. Se ele entrou em luta para salvar seu companheiro do excesso na conduta de Ézio que se iniciara em legítima defesa, agiu em legítima defesa de terceiro e, se vivo, não responderia por lesões corporais eventualmente ocasionadas.

Assertiva correta, pois, se o delinquente estivesse  agindo em legítima defesa ele não responderia pelas lesões eventualmente causadas mas apenas pela tentativa de roubo (ou furto) em virtude da conduta inicial. 

   

Se Márcio Leandro tentava fugir quando foi cercado pelos moradores, seu homicídio não estará abarcado pela justificante da legítima defesa, uma vez que já havia cessado a agressão injusta, e os autores responderão pelo crime.

Assertiva correta, pois, já havia cessado a injusta agressão, desse modo, não há justificante para a morte do delinquente. 

   

A conduta de Ezio está abarcada pela justificante da legítima defesa.

Assertiva Errada, pois, Ezio agiu com excesso e foi desmoderado em sua conduta devendo responder pelo crime praticado. 

Essa pergunta já foi respondida!