A maior rede de estudos do Brasil

Não excluem a imputabilidade penal

Direito Penal I

UNIVERSO


2 resposta(s)

User badge image

Rafael Borsato

Há mais de um mês

Art. 28. Não excluem a imputabilidade penal:

I – a emoção ou paixão

Embriaguez

II – a embriaguez, voluntária ou culposa, pelo álcool ou substância de efeitos análogos.

Parágrafo 1º. É isento de pena o agente que, por embriaguez completa, proveniente de caso fortuito ou força maior, era ao tempo da ação ou omissa, inteiramente incapaz de entender o caráter ilícito do fato ou de determinar-se de acordo com esse entendimento.

Parágrafo 2º. A pena pode ser reduzida de um a dois terços, se o agente, por embriaguez, proveniente de caso fortuito ou força maior, não possuía, ao tempo da ação ou da omissão, a plena capacidade de entender o caráter ilícito de fato ou de determinar-se de acordo com esse entendimento.

Art. 28. Não excluem a imputabilidade penal:

I – a emoção ou paixão

Embriaguez

II – a embriaguez, voluntária ou culposa, pelo álcool ou substância de efeitos análogos.

Parágrafo 1º. É isento de pena o agente que, por embriaguez completa, proveniente de caso fortuito ou força maior, era ao tempo da ação ou omissa, inteiramente incapaz de entender o caráter ilícito do fato ou de determinar-se de acordo com esse entendimento.

Parágrafo 2º. A pena pode ser reduzida de um a dois terços, se o agente, por embriaguez, proveniente de caso fortuito ou força maior, não possuía, ao tempo da ação ou da omissão, a plena capacidade de entender o caráter ilícito de fato ou de determinar-se de acordo com esse entendimento.

User badge image

Júlia Velludo

Há mais de um mês

Bom, talvez seja uma resposta longa, mas vamos lá.

Art.28: Não excluem a imputabilidade

I - Emoção ou Paixão.

II - Embriaguez voluntária ou culposa, por alcool ou substancia análoga.

Pg.1 É isento de pena o agente que por embriaguez completa, proveniente de caso fortuíto ou força maior era ao tempo da ação ou omissão completamente incapaz de enteder o caratér ílicito ou determinar-se de acordo com este entendimento.

No caso de diminuição de pena, encontra-se no Art. 28, II, pg.2.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes