A maior rede de estudos do Brasil

Faça algum comentario do ritmo escapuloso toracici e explique o que é parodoxio de codmon? alguem pode me ajudar


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Cintura escapular é um dos dois ossos que formam o ombro e que faze relação entre os membros superiores com o tronco.


O ritmo escápulo-umeral é o movimento sincronizado das estruturas do complexo articular do ombro e possui a alcance de 180°. Já o paradoxo de Codman é quando realizamos uma abdução de 180° e ocorre na articulação do ombro. O movimento inicia com a palma da mão voltada medialmente e o polegar apontando para frente e, depois é realizado uma adução de 180°.


Assim, o paradoxo de Codman ocorre na articulação do ombro quando realizamos e o ritmo escápulo – umeral está ligado com as flexões a abduções do ombro.

Cintura escapular é um dos dois ossos que formam o ombro e que faze relação entre os membros superiores com o tronco.


O ritmo escápulo-umeral é o movimento sincronizado das estruturas do complexo articular do ombro e possui a alcance de 180°. Já o paradoxo de Codman é quando realizamos uma abdução de 180° e ocorre na articulação do ombro. O movimento inicia com a palma da mão voltada medialmente e o polegar apontando para frente e, depois é realizado uma adução de 180°.


Assim, o paradoxo de Codman ocorre na articulação do ombro quando realizamos e o ritmo escápulo – umeral está ligado com as flexões a abduções do ombro.

User badge image

Fernanda

Há mais de um mês

O ritmo escapulo torácico não é uma articulação sinovial verdadeira;
MOVIMENTA-SE EM: Abdução e adução 25°; Rotação sup e inferior 60°; Elevação e depressão 55°.

Paradoxo de Codman 

O paradoxo de Codman é um fenômeno que ocorre na articulação do ombro quando realizamos uma abdução de 180o , iniciada com a palma da mão voltada medialmente e o polegar apontando para frente e, depois realizarmos uma adução de 180o . Ao alcançarmos o ponto de partida, observamos que a palma da mão estará voltada para fora.

Isto ocorre porque existe uma rotação interna automática do úmero quando realizamos uma abdução acima de 90o de ADM. A comprovação para ocorrência desta rotação é verificada se tentarmos realizar o mesmo movimento anterior partindo com uma rotação externa do úmero. A abdução será limitada a 90o , pois o tubérculo maior do úmero irá chocar-se com o arco córaco – acromial, impedindo a ADM total do movimento.

Portanto, a rotação automática do úmero é essencial para que a tubérculo maior do úmero não se choque com o arco córaco – acromial, possibilitando sua total ADM neste movimento.

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Cintura escapular é um dos dois ossos que formam o ombro e que faze relação entre os membros superiores com o tronco.


O ritmo escápulo-umeral é o movimento sincronizado das estruturas do complexo articular do ombro e possui a alcance de 180°. Já o paradoxo de Codman é quando realizamos uma abdução de 180° e ocorre na articulação do ombro. O movimento inicia com a palma da mão voltada medialmente e o polegar apontando para frente e, depois é realizado uma adução de 180°.


Assim, o paradoxo de Codman ocorre na articulação do ombro quando realizamos e o ritmo escápulo – umeral está ligado com as flexões a abduções do ombro.

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Cintura escapular é um dos dois ossos que formam o ombro e que faze relação entre os membros superiores com o tronco.


O ritmo escápulo-umeral é o movimento sincronizado das estruturas do complexo articular do ombro e possui a alcance de 180°. Já o paradoxo de Codman é quando realizamos uma abdução de 180° e ocorre na articulação do ombro. O movimento inicia com a palma da mão voltada medialmente e o polegar apontando para frente e, depois é realizado uma adução de 180°.


Assim, o paradoxo de Codman ocorre na articulação do ombro quando realizamos e o ritmo escápulo – umeral está ligado com as flexões a abduções do ombro.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas