A maior rede de estudos do Brasil

Após a reforma trabalhista de 2017, sou empregador, posso deixar de repassar o INSS para meu empregado?

 Quero uma resposta fundamentada e justificada.. rs


3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

DLRV Advogados Verified user icon

Há mais de um mês

Não. A reforma trabalhista não dá a prerrogativa ao empregador de deixar de repassar à Previdêncoa Social as contribuições recolhidas pelo empregado, se for ele um segurado obrigatório. O empregador que o fizer, inclusive, estará cometendo o crime de apropriação indébita previdenciária”, conforme estabelece o Código Penal:

Apropriação indébita previdenciária

Art. 168-A. Deixar de repassar à previdência social as contribuições recolhidas dos contribuintes, no prazo e forma legal ou convencional:

Pena – reclusão, de 2 (dois) a 5 (cinco) anos, e multa.

Não. A reforma trabalhista não dá a prerrogativa ao empregador de deixar de repassar à Previdêncoa Social as contribuições recolhidas pelo empregado, se for ele um segurado obrigatório. O empregador que o fizer, inclusive, estará cometendo o crime de apropriação indébita previdenciária”, conforme estabelece o Código Penal:

Apropriação indébita previdenciária

Art. 168-A. Deixar de repassar à previdência social as contribuições recolhidas dos contribuintes, no prazo e forma legal ou convencional:

Pena – reclusão, de 2 (dois) a 5 (cinco) anos, e multa.

User badge image

Jefferson

Há mais de um mês

Olá, Michele. Por que não? 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas