A maior rede de estudos do Brasil

como calcular a depreciaçao acumulada?


1 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Depreciação corresponde ao encargo periódico que determinados bens sofrem, por uso, obsolescência ou desgaste natural.

O cálculo da depreciação acumulada vai estar sempre acompanhando o ativo, como credora, pois ela está corrigindo o valor daquele bem, pois um dos objetivos da contabilidade é trazer a situação da empresa da maneira mais próxima da realidade.

Ex.:

Uma máquina de R$ 10.000 que deprecia R$ 1.000 ao ano durante dez anos. Depois do quinto ano, a depreciação acumulada seria equivalente a R$ 5.000, refletindo cinco anos com a cobrança de R$ 1.000 sobre o valor dos bens, na planilha de depreciação.

Depreciação corresponde ao encargo periódico que determinados bens sofrem, por uso, obsolescência ou desgaste natural.

O cálculo da depreciação acumulada vai estar sempre acompanhando o ativo, como credora, pois ela está corrigindo o valor daquele bem, pois um dos objetivos da contabilidade é trazer a situação da empresa da maneira mais próxima da realidade.

Ex.:

Uma máquina de R$ 10.000 que deprecia R$ 1.000 ao ano durante dez anos. Depois do quinto ano, a depreciação acumulada seria equivalente a R$ 5.000, refletindo cinco anos com a cobrança de R$ 1.000 sobre o valor dos bens, na planilha de depreciação.

User badge image

Diego

Há mais de um mês

calcular a depreciação de uma máquina deve obedecer o que é determinado pela Secretaria da Receita Federal, no artigo 305 do RIR/99, que estipula o prazo de 10 anos para depreciação de máquinas e equipamentos, 5 anos para veículos, 10 anos para móveis e utensílios e 25 anos para os imóveis. Estas normas descritas são sugeridas pela SRF, mas não obrigatoriamente é necessário utilizar esta tabela para cálculo da depreciação dos bens em uma empresa, principalmente se ela for do Simples Nacional ou Lucro Presumido.

Como calcular a depreciação de uma máquina, então?

depreciação da máquina é calculada de acordo com o tempo de vida útil dela. Os aspectos a serem considerados no cálculo da depreciação são:

  • Vida útil.
  • Método de depreciação.
  • Base de cálculo da depreciação.

Segundo a engenharia de Custos e a teoria da contabilidade, existem dois tipos básicos de métodos de depreciação: a depreciação linear e a acelerada. A diferença entre uma e outra é a agilidade com que são feitas ao longo dos anos.

Exemplo de Método linear

Uma escavadeira foi adquirida com vida útil estimada de 10.000 horas (= 5 anos x 2000 h/ano) pelo valor de R$ 200.000,00, com valor residual estimado de 10%. Qual será a depreciação?

 

Depreciação = (V0 – Vr) ÷ Vida útil

Depreciação = (R$ 200.000 – R$ 20.000) ÷ 5 anos

Depreciação = R$ 36.000,00/ano ou R$ 18,00/h

 

A escavadeira então valerá contabilmente R$ 200.000,00 – R$ 36.000,00 = R$ 164.000,00 ao final do primeiro ano, R$ 128.000,00 ao final do segundo ano e assim sucessivamente.

Em termos contábeis, a depreciação da máquina é a mesma ano a ano:

 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas