A maior rede de estudos do Brasil

o que caracteriza o período pré-romano das relações obrigacionais?

Direito civil, direito das obrigações.

Direito Civil I

UNINASSAU


3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

Júnior Oliveira Verified user icon

Há mais de um mês

Conforme José Carlos Moreira Alves (in Direito Romano. 6. ed. Rio de Janeiro: Forense, 1998):

a noção que os romanos tinham de contrato difere, em muito, da que temos nos dias de hoje. De fato, "durante toda a evolução do direito romano, só se enquadram entre os contratos os acordos de vontade que se destinam a criar relações jurídicas obrigacionais (e não, como no direito moderno, a criar, regular ou extinguir relações jurídicas em geral (...) Em Roma, nem todo acordo de vontade lícito gera obrigações: contrato (contractus) e pacto (pactum, conuentió) eram acordos de vontade, mas, ao passo que aquele produzia obrigações, este, em regra, não

 

Conforme José Carlos Moreira Alves (in Direito Romano. 6. ed. Rio de Janeiro: Forense, 1998):

a noção que os romanos tinham de contrato difere, em muito, da que temos nos dias de hoje. De fato, "durante toda a evolução do direito romano, só se enquadram entre os contratos os acordos de vontade que se destinam a criar relações jurídicas obrigacionais (e não, como no direito moderno, a criar, regular ou extinguir relações jurídicas em geral (...) Em Roma, nem todo acordo de vontade lícito gera obrigações: contrato (contractus) e pacto (pactum, conuentió) eram acordos de vontade, mas, ao passo que aquele produzia obrigações, este, em regra, não

 

User badge image

Lucas

Há mais de um mês

Direito obrigacional, com as arguições civilistas. 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas