A maior rede de estudos do Brasil

1. Em que grau o pH influencia a complexação do íon Ag+ com EDTA?


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Íons complexos são substâncias formadas por íons metálicos, em geral elementos de transição que se combinam com moléculas ou íons para produzir íons complexos ou complexos.

Uma reação de complexação é entendida como a “transformação” de um íon simples em um íon complexo. O íon complexo é obtido pelo compartilhamento de um par ou mais pares de elétrons de uma espécie ou mais espécies (ânions ou moléculas) com uma espécie deficiente em elétrons (um cátion), capaz de aceitar esse par (ou pares) de elétrons, através de ligações covalentes coordenadas. Assim, uma reação de complexação deve ser entendida como uma reação ácido - base, onde o cátion metálico é o ácido e o ligante é a base. Um ligante com um único grupo doador de elétrons, tal como, por exemplo, a amônia, é denominada um ligante unidentado. Em titulações, complexométricos utilizam-se normalmente ligantes multidentados, com 4 ou 6 grupos doadores de elétrons na mesma molécula. Esses ligantes multidentados reagem completamente com os cátions metálicos e formam íons complexos bem estáveis com pontos de estequiométricos bem definidos.

Íons complexos são substâncias formadas por íons metálicos, em geral elementos de transição que se combinam com moléculas ou íons para produzir íons complexos ou complexos.

Uma reação de complexação é entendida como a “transformação” de um íon simples em um íon complexo. O íon complexo é obtido pelo compartilhamento de um par ou mais pares de elétrons de uma espécie ou mais espécies (ânions ou moléculas) com uma espécie deficiente em elétrons (um cátion), capaz de aceitar esse par (ou pares) de elétrons, através de ligações covalentes coordenadas. Assim, uma reação de complexação deve ser entendida como uma reação ácido - base, onde o cátion metálico é o ácido e o ligante é a base. Um ligante com um único grupo doador de elétrons, tal como, por exemplo, a amônia, é denominada um ligante unidentado. Em titulações, complexométricos utilizam-se normalmente ligantes multidentados, com 4 ou 6 grupos doadores de elétrons na mesma molécula. Esses ligantes multidentados reagem completamente com os cátions metálicos e formam íons complexos bem estáveis com pontos de estequiométricos bem definidos.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas