A maior rede de estudos do Brasil

O que significa desvio a direita no hemograma? o que ocorre?


5 resposta(s)

User badge image

Leonardo

Há mais de um mês

 O desvio à direita é presença de neutrófilos velhos no sangue, identificados com núcleo anormal. Quando temos uma infecção por exemplo as nossas defesas são recrutadas isso vai fazer um aumento no numero de bastões em relação ao numero de segmentos e vai causar um estado que chamamos de leucocitose (Aumento da quantidade de neutrofilo) com um desvio á "esquerda" ou seja um aumento para o lado jovem das células.

 O desvio a direita normalmente acontece após um estado infeccioso, e mesmo em um estado de melhora clínica do paciente, porque o recrutamento dessas células jovens já acabou, mas elas se tornaram maduras, ocorrendo então um predomínio de segmentados no hemograma, ou seja, um predomínio de neutrófilos maduros. 

 O desvio à direita é presença de neutrófilos velhos no sangue, identificados com núcleo anormal. Quando temos uma infecção por exemplo as nossas defesas são recrutadas isso vai fazer um aumento no numero de bastões em relação ao numero de segmentos e vai causar um estado que chamamos de leucocitose (Aumento da quantidade de neutrofilo) com um desvio á "esquerda" ou seja um aumento para o lado jovem das células.

 O desvio a direita normalmente acontece após um estado infeccioso, e mesmo em um estado de melhora clínica do paciente, porque o recrutamento dessas células jovens já acabou, mas elas se tornaram maduras, ocorrendo então um predomínio de segmentados no hemograma, ou seja, um predomínio de neutrófilos maduros. 

User badge image

Camila

Há mais de um mês

Aumento de neutrófilos hipersegmentados (núcleo com mais de 5 segmentações). Estas células, consideradas envelhecidas, geralmente não são mais tão eficazes, por isso a presença desses neutrófilos  chamados de "idosos" ou hipersegmentados também não é considerada de bom prognóstico. 

User badge image

Andresa

Há mais de um mês

é caracterizado pela presença aumentada de bastões (neutrófilos jovens) no sangue periférico, sendo indicativo em quadros de infecções e/ou quadros inflamatórios agudos

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes