A maior rede de estudos do Brasil

A quais pensamentos Karl Marx e Frederic Engels faziam oposição?

Economia I

ESTÁCIO EAD


1 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Ambos faziam suas críticas ao capitalismo. A partir de uma análise fundamental do capitalismo, Marx chegou à conclusão de que, uma vez que o capitalismo estivesse plenamente desenvolvido e tivesse criado o potencial para produzir uma abundância, o tempo estava maduro para que um estágio adicional da evolução social aparecesse em relação à condição humana. O capitalismo para ele e Engels era um estágio necessário na evolução social. Seu estudo da evolução social revelou que todas as sociedades anteriores ao capitalismo não conseguiram resolver o problema da produção de uma abundância.

Antes do capitalismo se tornar um sistema global, a humanidade sempre se confrontava com o problema constante de produzir produtos suficientes para que houvesse um excedente e distribuí-los. produtos excedentes, a fim de sobreviver. A escassez natural era, para todas as intenções e circunstâncias, a ordem do dia. Comunidades inteiras e civilizações poderiam ser eliminadas através de mudanças climáticas, inundações, fome ou esgotamento de recursos naturais e etc, devido a essa falta de produtos excedentes.

Ambos faziam suas críticas ao capitalismo. A partir de uma análise fundamental do capitalismo, Marx chegou à conclusão de que, uma vez que o capitalismo estivesse plenamente desenvolvido e tivesse criado o potencial para produzir uma abundância, o tempo estava maduro para que um estágio adicional da evolução social aparecesse em relação à condição humana. O capitalismo para ele e Engels era um estágio necessário na evolução social. Seu estudo da evolução social revelou que todas as sociedades anteriores ao capitalismo não conseguiram resolver o problema da produção de uma abundância.

Antes do capitalismo se tornar um sistema global, a humanidade sempre se confrontava com o problema constante de produzir produtos suficientes para que houvesse um excedente e distribuí-los. produtos excedentes, a fim de sobreviver. A escassez natural era, para todas as intenções e circunstâncias, a ordem do dia. Comunidades inteiras e civilizações poderiam ser eliminadas através de mudanças climáticas, inundações, fome ou esgotamento de recursos naturais e etc, devido a essa falta de produtos excedentes.

User badge image

Patrick

Há mais de um mês

Ao pensamento capitalista. No capitalismo temos os meios de produção sendo dominados por poucas pessoas, e Marx e Engels se opunham a isso. Em suas obras nos deparamos sempre com esse fim da propriedade nos meios de produção, no fim do Estado, no fim da separação entre classes sociais e no fim do capitalismo, mas isso não se resume num modo tão simples. Marx não queria apenas acabar com o capitalismo, no seu livro Manuscritos econômicos e filosóficos ele diz que o comunismo seria uma supra-sunção do capitalismo. Ele usou esse termo da filosofia de Hegel, e Hegel dizia que a supra-sunção é, ao mesmo tempo, aniquilação, conservação e superação. Então, com isso, concluímos que: Marx e Engels queriam a aniquilação, a conservação e a superação do capitalismo. Pois o comunismo iria aniquilar as coisas ruins (desigualdade, exploração do trabalho); conservar as coisas boas (produção, tecnologias) e superar o capitalismo, trazendo menos desigualdade, mais paz e liberdade para os trabalhadores

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas