A maior rede de estudos do Brasil

CONCRETO ARMANDO II

Qual é o valor da carga permanente de uma marquise, feita com laje em balanço.

Dados: regularização feita de argamassa de cimento e areia com espessura de 3 cm;

            laje  de concreto armado com 13 cm de espessura;

            Reboco feito com argamassa de cal, cimento e areia com espessura de 5 cm;

           impermeabilização, cujo peso específico é o mesmo do plástico em folhas, com espessura de 1 cm

 

4,54 KN/m²

6,04 KN/m²

5,04 KN/m²

5,54 KN/m²

4,04 KN/m²

Concreto II

UNIUBE


1 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Nesta questão, devemos aplicar os seguintes conceitos:

  • As cargas permanentes são aquelas devidas ao peso próprio, como contra-piso, revestimento, paredes, etc.
  • O carregamento atuante na laje (peso por unidade de área) é dado pela expressão: $g = \gamma_{mat} * h$, onde:
    • $g$ é acarga permanente uniformemente distribuída, geralmente em $kN/m^2$;
    • $\gamma_{mat}$ é o peso específico do material, geralmente em $kN/m^3$; e
    • $h$ é a espessura do material, geralmente em $m$.
  • Segundo a ABNT NBR 6120, os pesos específicos dos materiais de construção que eventualmente possam constituir carregamento em lajes podem ser tomados como sendo:
    • argamassa de cal, cimento e areia .................................................................................. $19,0 kN/m^3$
    • argamassa de cimento e areia ......................................................................................... $21,0 kN/m^3$
    • argamassa de gesso ........................................................................................................ $12,5 kN/m^3$ 
    • reboco .............................................................................................................................. $20,0 kN/m^3$ 
    • concreto simples .............................................................................................................. $24,0 kN/m^3$ 
    • concreto armado .............................................................................................................. $25,0 kN/m^3$
  • Ainda segundo a norma, para materiais diversos, podem ser adotados os seguintes valores, considerando pesos por unidade de área:
    • AIcatrão ............................................................................................................................ $12,0 kN/m^3$
    • Asfalto ............................................................................................................................... $13,0 kN/m^3$
    • Borracha ........................................................................................................................... $17,0 kN/m^3$
    • Papel ................................................................................................................................ $15,0 kN/m^3$
    • Plástico em folhas............................................................................................................. $21,0 kN/m^3$
    • Vidro plano ........................................................................................................................ $26,0 kN/m^3$

No caso, as cargas permanentes são: regularização, laje, reboco e impermeabilização. A espessura $h$ e o peso específico $\gamma$ de acordo com a norma serão:

  • $h = 3cm = 0,03m$ e $\gamma = 21,0 kN/m^3$ para a regularização;
  • $h = 13cm = 0,13m$ e $\gamma = 25,0 kN/m^3$ para a laje;
  • $h = 3cm = 0,05m$ e $\gamma = 19,0 kN/m^3$ para o reboco; e
  • $h = 3cm = 0,01m$ e $\gamma = 21,0 kN/m^3$ para a impermeabilização.

Vamos agora calcular as carga permanentes, através da equação que vimos, $g = \gamma_{mat} * h$. Para facilitar os cálculos, façamos uma tabela:

Carregamento
       h (m)           γ (kN/m³)           g = h * γ (kN/m²)     
Regularização      0,03      21      0,63
Laje      0,13      25      3,25
Reboco      0,05     19      0,95

Impermeabilização

     0,01      21      0,21
                  Carregamento (carga permanente)      5,04 kN/m²

Portanto, o valor da carga permanente da marquise em questão é $5,04 kN/m^2$.

Nesta questão, devemos aplicar os seguintes conceitos:

  • As cargas permanentes são aquelas devidas ao peso próprio, como contra-piso, revestimento, paredes, etc.
  • O carregamento atuante na laje (peso por unidade de área) é dado pela expressão: $g = \gamma_{mat} * h$, onde:
    • $g$ é acarga permanente uniformemente distribuída, geralmente em $kN/m^2$;
    • $\gamma_{mat}$ é o peso específico do material, geralmente em $kN/m^3$; e
    • $h$ é a espessura do material, geralmente em $m$.
  • Segundo a ABNT NBR 6120, os pesos específicos dos materiais de construção que eventualmente possam constituir carregamento em lajes podem ser tomados como sendo:
    • argamassa de cal, cimento e areia .................................................................................. $19,0 kN/m^3$
    • argamassa de cimento e areia ......................................................................................... $21,0 kN/m^3$
    • argamassa de gesso ........................................................................................................ $12,5 kN/m^3$ 
    • reboco .............................................................................................................................. $20,0 kN/m^3$ 
    • concreto simples .............................................................................................................. $24,0 kN/m^3$ 
    • concreto armado .............................................................................................................. $25,0 kN/m^3$
  • Ainda segundo a norma, para materiais diversos, podem ser adotados os seguintes valores, considerando pesos por unidade de área:
    • AIcatrão ............................................................................................................................ $12,0 kN/m^3$
    • Asfalto ............................................................................................................................... $13,0 kN/m^3$
    • Borracha ........................................................................................................................... $17,0 kN/m^3$
    • Papel ................................................................................................................................ $15,0 kN/m^3$
    • Plástico em folhas............................................................................................................. $21,0 kN/m^3$
    • Vidro plano ........................................................................................................................ $26,0 kN/m^3$

No caso, as cargas permanentes são: regularização, laje, reboco e impermeabilização. A espessura $h$ e o peso específico $\gamma$ de acordo com a norma serão:

  • $h = 3cm = 0,03m$ e $\gamma = 21,0 kN/m^3$ para a regularização;
  • $h = 13cm = 0,13m$ e $\gamma = 25,0 kN/m^3$ para a laje;
  • $h = 3cm = 0,05m$ e $\gamma = 19,0 kN/m^3$ para o reboco; e
  • $h = 3cm = 0,01m$ e $\gamma = 21,0 kN/m^3$ para a impermeabilização.

Vamos agora calcular as carga permanentes, através da equação que vimos, $g = \gamma_{mat} * h$. Para facilitar os cálculos, façamos uma tabela:

Carregamento
       h (m)           γ (kN/m³)           g = h * γ (kN/m²)     
Regularização      0,03      21      0,63
Laje      0,13      25      3,25
Reboco      0,05     19      0,95

Impermeabilização

     0,01      21      0,21
                  Carregamento (carga permanente)      5,04 kN/m²

Portanto, o valor da carga permanente da marquise em questão é $5,04 kN/m^2$.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas