A maior rede de estudos do Brasil

Fenômeno de Transportes

Um tanque cilíndrico fechado possui em sua parte superior um
tubo com 12 m de altura. Ele contém água até o nível de 0,90 m
acima do fundo e óleo daí para cima. Sendo os pesos específicos
(y) da água e do óleo 1.000 kgf/m3 e 850 kgf/m3 respectivamente,
determinar as pressões, em kgf/m2, nos pontos 1, 2 e 3 situados
na face interna da parede do tanque. Considere g = 9,8 m/s2.
Lembrar que: y = p . g


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Faltou a figura do enunciado:


Fonte: https://www.agro.ufg.br/up/68/o/1_Lista___Hidrost_tica.pdf. Acesso em 17 de junho de 2018.

Para resolver este problema, devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Hidrostática. Em especial, devemos lembrar que a pressão em um ponto consiste na produtória entre a densidade e altura da coluna do fluido que estão acima dele.

Visto isso, cálcula-se, respectivamente, as pressões nos pontos \(1\)\(2\) e \(3\):

\(\begin{align} P_1&=850\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^3}\cdot12\text{ m} \\&=10.200\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^2} \\ \\ P_2&=850\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^3}\cdot13,1\text{ m} \\&=11.135\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^2} \\ \\ P_3&=850\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^3}\cdot13,1\text{ m}+1.000\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^3}\cdot 0,90\text{ m} \\&=12.035\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^2} \end{align}\)

Portanto, as pressões nos pontos \(1\)\(2\) e \(3\) são, respectivamente, \(\boxed{P_1=10.200\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^2}}\)\(\boxed{P_2=11.135\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^2}}\) e \(\boxed{P_3=12.035\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^2}}\).

Faltou a figura do enunciado:


Fonte: https://www.agro.ufg.br/up/68/o/1_Lista___Hidrost_tica.pdf. Acesso em 17 de junho de 2018.

Para resolver este problema, devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Hidrostática. Em especial, devemos lembrar que a pressão em um ponto consiste na produtória entre a densidade e altura da coluna do fluido que estão acima dele.

Visto isso, cálcula-se, respectivamente, as pressões nos pontos \(1\)\(2\) e \(3\):

\(\begin{align} P_1&=850\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^3}\cdot12\text{ m} \\&=10.200\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^2} \\ \\ P_2&=850\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^3}\cdot13,1\text{ m} \\&=11.135\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^2} \\ \\ P_3&=850\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^3}\cdot13,1\text{ m}+1.000\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^3}\cdot 0,90\text{ m} \\&=12.035\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^2} \end{align}\)

Portanto, as pressões nos pontos \(1\)\(2\) e \(3\) são, respectivamente, \(\boxed{P_1=10.200\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^2}}\)\(\boxed{P_2=11.135\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^2}}\) e \(\boxed{P_3=12.035\text{ }\frac{\text{kgf}}{\text m^2}}\).

User badge image

Douglas gonçalves

Há mais de um mês

P3=P2+p(agua)x1000xg 

P3=109123+137200=246323kg/m2

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas