A maior rede de estudos do Brasil

Pesquise no DEF, nomes de referência ou similares de benzodiazepínicos, citando suas restrições ou efeitos não desejados.


2 resposta(s)

User badge image

Thomas

Há mais de um mês

Coloquei apenas do diazepam, um lugar que tem muita informação de facil acesso é o Bulario da ANVISA, lá voce encontra as bulas atualizadas de todos os medicamentos comercializados.

outros benzodiazepínicos:

frontal (referencia) alprazolam nome do principio ativo (P.A), Apraz similar 

Rivotril (referencia) clonazepam (P.A), clopam similar

Lexotam (referencia) bromazepam (P.A)

Diazepan comprimido 5mg ou 10 mg 

ADVERTÊNCIAS E PRECAUÇÕES Uso concomitante de álcool/depressores SNC O uso concomitante de diazepam com álcool e/ou depressores do SNC deve ser evitado. Essa utilização concomitante tem potencial para aumentar os efeitos clínicos de diazepam, incluindo possivelmente sedação grave, depressão cardiovascular e/ou respiratória clinicamente relevantes .

Histórico médico de abuso de álcool ou drogas O diazepam deve ser usado com muita cautela em pacientes com história de alcoolismo ou dependência de drogas. O diazepam deve ser evitado em pacientes com dependência de depressores do SNC, incluindo álcool. Uma exceção à dependência de álcool é o gerenciamento das reações agudas de retirada. Insuficiência hepática: os benzodiazepínicos podem contribuir para a ocorrência de episódios de encefalopatia hepática em pacientes com insuficiência hepática grave. Deve-se ter especial cuidado ao administrar diazepam em pacientes com insuficiência hepática leve a moderada.

Reações psiquiátricas e “paradoxais”: reações psiquiátricas como inquietude, agitação, irritabilidade, agressividade, ansiedade, delírios, raiva, pesadelos, alucinações, psicoses, comportamento inadequado e outros efeitos adversos comportamentais podem ocorrer com o uso de benzodiazepínicos. Quando isso acontece, deve-se descontinuar o uso do medicamento. Esses efeitos são mais prováveis em crianças e idosos.

Amnésia: deve-se ter em mente que os benzodiazepínicos podem induzir a amnésia anterógrada, que pode ocorrer com o uso de doses terapêuticas, com aumento do risco em doses maiores. Efeitos amnésicos podem estar associados com comportamento inapropriado.

Tolerância: pode ocorrer alguma redução na resposta aos efeitos dos benzodiazepínicos, após uso repetido de diazepam, por período prolongado.

Coloquei apenas do diazepam, um lugar que tem muita informação de facil acesso é o Bulario da ANVISA, lá voce encontra as bulas atualizadas de todos os medicamentos comercializados.

outros benzodiazepínicos:

frontal (referencia) alprazolam nome do principio ativo (P.A), Apraz similar 

Rivotril (referencia) clonazepam (P.A), clopam similar

Lexotam (referencia) bromazepam (P.A)

Diazepan comprimido 5mg ou 10 mg 

ADVERTÊNCIAS E PRECAUÇÕES Uso concomitante de álcool/depressores SNC O uso concomitante de diazepam com álcool e/ou depressores do SNC deve ser evitado. Essa utilização concomitante tem potencial para aumentar os efeitos clínicos de diazepam, incluindo possivelmente sedação grave, depressão cardiovascular e/ou respiratória clinicamente relevantes .

Histórico médico de abuso de álcool ou drogas O diazepam deve ser usado com muita cautela em pacientes com história de alcoolismo ou dependência de drogas. O diazepam deve ser evitado em pacientes com dependência de depressores do SNC, incluindo álcool. Uma exceção à dependência de álcool é o gerenciamento das reações agudas de retirada. Insuficiência hepática: os benzodiazepínicos podem contribuir para a ocorrência de episódios de encefalopatia hepática em pacientes com insuficiência hepática grave. Deve-se ter especial cuidado ao administrar diazepam em pacientes com insuficiência hepática leve a moderada.

Reações psiquiátricas e “paradoxais”: reações psiquiátricas como inquietude, agitação, irritabilidade, agressividade, ansiedade, delírios, raiva, pesadelos, alucinações, psicoses, comportamento inadequado e outros efeitos adversos comportamentais podem ocorrer com o uso de benzodiazepínicos. Quando isso acontece, deve-se descontinuar o uso do medicamento. Esses efeitos são mais prováveis em crianças e idosos.

Amnésia: deve-se ter em mente que os benzodiazepínicos podem induzir a amnésia anterógrada, que pode ocorrer com o uso de doses terapêuticas, com aumento do risco em doses maiores. Efeitos amnésicos podem estar associados com comportamento inapropriado.

Tolerância: pode ocorrer alguma redução na resposta aos efeitos dos benzodiazepínicos, após uso repetido de diazepam, por período prolongado.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes