concepção de ética

A concepção ética, contrária à racionalista, contesta a razão, não aceita que ela tenha qualquer domínio sobre paixões e desejos, apontando a liberdade como a plena manifestação do sujeito que deseja. Essa concepção encontra-se em Nietzsche e em vários outros filósofos contemporâneos, sendo muitas vezes chamada de irracionalista por se opor à razão.

Considerando tal visão, assinale (V) para as afirmações verdadeiras e (F) para as afirmações falsas:

( ) A moral racionalista foi erguida com a finalidade de reprimir, e não de garantir o exercício da liberdade.

( ) A moral dos fracos é produto do ressentimento, que odeia e teme a vida, envenenando-a com a culpa e o pecado, voltando contra si mesma o ódio à vida.

( ) A sociedade governada por fracos hipócritas impõe aos fortes modelos éticos que os enfraqueçam e os tornem prisioneiros dóceis da hipocrisia da moral vigente.

( ) É preciso manter os fortes dizendo-lhes que o bem é tudo o que fortalece o desejo da vida e que o mal é tudo o que é contrário a esse desejo. A sequência correta é:

Escolha uma:
#Ética
#dimensao-do-direito
Disciplina:Introdução ao Direito I1.519 materiais