A maior rede de estudos do Brasil

Serviços intermitentes no trabalho rural artigo 6.º da lei 5.889/1973?

Olá pessoal, tudo bem com vocês?

Estou com uma dúvida referente aos serviços intermitentes do artigo 6.º da lei 5889/73, que trata das normas do trabalho rural.
Assim dispõe o artigo:

Art. 6.º Nos serviços caracteristicamente intermitentes, não serão computados, como de efetivo exercício, os intervalos entre uma e outra parte da execução da tarefa diária, desde que tal hipótese seja expressamente seja expressamente ressalvada na Carteira de Trabalho e Previdência Social.

O que são os considerados serviços intermitentes?

Achei a seguinte definição:
"Considera-se serviço intermitente aquele que, por sua natureza, seja normalmente executado em duas ou mais etapas diárias distintas, desde que haja interrupção do trabalho de, no mínimo, 5 (cinco) horas, entre uma e outra parte da execução da tarefa".
Apesar dessa definição, não consigo vislumbrar um exemplo que fique claro a idéia. 
Alguém poderia me dar um exemplo de um tipo de serviço intermitente?
Se não, pelo menos algum autor que trate do assunto?



Ficarei muito agradecido pela ajuda.

Abraços.

Direito do Trabalho I

Humanas / Sociais


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

Paduan Seta Advocacia Verified user icon

Há mais de um mês

O trabalho intermitente é aquele em que o trabalhador é contratado para trabalhar por horas, ou seja, não há uma continuidade no trabalho. Ele realiza aquele determinado serviço e é dispensado, com isso, sua remunração poderá ser inferior ao salário mínimo. O contrato de trabalho intermitente é a oficialização dos chamados "bicos".

No caso do trabalhador rural podemos pensar no seguinte exemplo. Um determinado produtor de leite contrata uma pessoa para ordenhar suas vacas, nas segundas e quintas, no horário das 04:00 até 08:00 horas  e das 14:00 às 16:00 horas, ou seja, não há uma continuidade no trabalho elaborado, o trabalho possui duas etapas no dia, com intervalo de mais de 5 horas entre uma etapa e outra. 

O trabalho intermitente é aquele em que o trabalhador é contratado para trabalhar por horas, ou seja, não há uma continuidade no trabalho. Ele realiza aquele determinado serviço e é dispensado, com isso, sua remunração poderá ser inferior ao salário mínimo. O contrato de trabalho intermitente é a oficialização dos chamados "bicos".

No caso do trabalhador rural podemos pensar no seguinte exemplo. Um determinado produtor de leite contrata uma pessoa para ordenhar suas vacas, nas segundas e quintas, no horário das 04:00 até 08:00 horas  e das 14:00 às 16:00 horas, ou seja, não há uma continuidade no trabalho elaborado, o trabalho possui duas etapas no dia, com intervalo de mais de 5 horas entre uma etapa e outra. 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas