A maior rede de estudos do Brasil

O que é quinto constitucional?


3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

DLRV Advogados Verified user icon

Há mais de um mês

O quinto constitucional, previsto no artigo 94 da Constituição, é um dispositivo jurídico que determina que um quinto das vagas de determinados tribunais brasileiros sejam preenchidas por advogados e membros do Ministério Público, e não por juízes de carreira.

A regra do quinto constitucional aplica-se aos Tribunais Regionais Federais - TRFs, aos Tribunais de Justiça de cada Estado e do Distrito Federal - TJs, e ao Tribunal Superior do Trabalho (TST) e aos Tribunais Regionais do Trabalho (TRTs).

Cada órgão, a OAB ou o Ministério Público, formará uma lista sêxtupla para enviá-la ao Tribunal onde ocorreu a vaga de ministro ou de desembargador. O tribunal, após votação interna para a formação de uma lista tríplice, remete-a ao chefe do Poder Executivo, que nomeará um dos indicados.

O quinto constitucional, previsto no artigo 94 da Constituição, é um dispositivo jurídico que determina que um quinto das vagas de determinados tribunais brasileiros sejam preenchidas por advogados e membros do Ministério Público, e não por juízes de carreira.

A regra do quinto constitucional aplica-se aos Tribunais Regionais Federais - TRFs, aos Tribunais de Justiça de cada Estado e do Distrito Federal - TJs, e ao Tribunal Superior do Trabalho (TST) e aos Tribunais Regionais do Trabalho (TRTs).

Cada órgão, a OAB ou o Ministério Público, formará uma lista sêxtupla para enviá-la ao Tribunal onde ocorreu a vaga de ministro ou de desembargador. O tribunal, após votação interna para a formação de uma lista tríplice, remete-a ao chefe do Poder Executivo, que nomeará um dos indicados.

User badge image

Srt Souza

Há mais de um mês

Fico feliz em ajudar!

User badge image

Srt Souza

Há mais de um mês

Trata-se de uma disposição advinda da lei maior, especificamente de seu artigo 94, segundo a qual “um quinto dos lugares dos Tribunais Regionais Federais, dos Tribunais dos Estados, e do Distrito Federal e Territórios será composto de membros do Ministério Público, com mais de dez anos de carreira, e de advogados de notório saber jurídico e reputação ilibada, com mais de dez anos de efetiva atividade profissional, indicados em lista sêxtupla ao Tribunal respectivo, que formará lista tríplice, enviando-a ao chefe do Poder Executivo que, nos vinte dias subsequentes, escolherá um de seus integrante para nomeação”

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas