A maior rede de estudos do Brasil

Atividade de Comportamento Organizacional

Atividade 1: Reflita, analise e identifique a resolução da questão proposta.
Objetivos da atividade:
- Proporcionar ao estudante o entendimento sobre as características de análise do comportamento organizacional e sua relação no ambiente de trabalho.
- Adquirir conhecimentos históricos sobre as três fases distintas das organizações e suas diferenças nos âmbitos estruturais, culturais e na forma de gerenciamento de pessoas.
Questão 1
De acordo com artigo disponível em http://www.baguete.com.br/artigos/16/10/2013/trabalho-prazer-ou-sofrimento o autor faz uma comparação entre o prazer de trabalhar com o sofrimento e estresse diário provocado pelo próprio trabalho, e cita também algumas aptidões necessárias para o administrador.
Após a leitura o artigo, analise as afirmativas a seguir:
I. O autor questiona sobre qual seria a razão de experiências frustantes na trajetória profissional, já que ouve frequentemente relatos de gestores que reclamam da ingratidão dos funcionários e dos funcionários que reclamam dos chefes e da rotina de trabalho. O autor também cita casos de profissionais que são obrigados a trabalharem em funções em que não possuem habilidade, ou mesmo que não desejam. Também relata que há empresários que não gostam de liderar. No caso dos empresários que relatam não ter aptidão à liderança, podemos considerar que esses lhes faltam inteligência interpessoal, conceituada pela habilidade de entender as intenções, motivações e desejos dos outros.
Onde também:
II. Além da inaptidão à liderança, o autor também cita o caso dos empregados que têm muita dificuldade em seguir instruções e que reclamam de diversos problemas, incluido a rotina de trabalho. Ambientes rotineiros e metódicos tendem tornar os profissionais desmotivados ou acomodados, resultando em baixa produtividade e alta rotatividade. Cabe aos gestores proporcionar a mudança com a finalidade de que se desenvolva um novo comportamento dentro da organização. Há a necessidade de se pensar no treinamento e na qualificação das pessoas. Quando há mudança e essa resulta num novo comportamento e em novas práticas, isso pode ser conceituado como uma nova atitude. Portanto
III. O autor afirma que gastamos um terço de nossas vidas trabalhando, e compara que trabalhar sem ser feliz ou realizado, equivale a ser preso e condenado inocentemente. Relata como experiência pessoal, que fez uma adequação na forma de trabalhar, onde passou a fazer o que gosta. O autor fez uma reflexão e se autoconhecendo, entendeu seus pontos fracos, corrigiu e assimilou novos comportamentos com o foco voltado ao resultado. Podemos afirmar que o uso da inteligência intrapessoal (expressada pela capacidade de se conhecer), contribui nesse processo de mudança comportamental do autor e é responsável por seu sucesso profissional. A respeito das afirmações, assinale a opção correta:
Somente a alternativa II está correta, pois as afirmativas I e III contêm informações erradas.
Somente alternativa I está correta. As afirmativas II e III contém informações erradas.
As afirmativas I e III estão corretas, a afirmativa II contém informações erradas.
As afirmativas I e II estão corretas, a afirmativa III que contém informações erradas.
As afirmativas I, II e III estão corretas.
Questão 2
Leia o artigo disponível em: http://www.administradores.com.br/artigos/economia-e-financas/a-evolucao-das-organizacoes/29258/ que trata sobre a evolução das organizações durante o século XX com base na publicação Gestão de Pessoas, de Idalberto Chiavenato.
Após a leitura do artigo e da unidade 1 do livro didático, analise as afirmativas a seguir:
I. A fase de industrialização clássica, de 1900 a 1950, predominava uma estrutura organizacional totalmente burocrática, onde a ênfase era exclusivamente nos órgãos. A cultura organizacional nessa fase tinha o foco no passado, priorizando as tradições e valores, com ambiente estático e totalmente previsível. Os profissionais eram vistos apenas como fatores de produção, sujeitos a regras e regulamentos rígidos controladores. As pessoas eram vistas como recursos organizacionais que precisavam ser administrados.
Evoluindo para:
II. Já na fase de Industrialização Neoclássica, de 1950 a 1990, a estrutura organizacional passou a ser matricial, com ênfase na departamentalização por produtos, serviços ou unidades de negócios. Nessa fase, houve uma transição na cultura organizacional, que passou a ter foco no presente e na adaptação ao ambiente. Após a Segunda Guerra Mundial, houve muitas mudanças de forma rápida e intensa, acentuando a competição entre as empresas. O método
burocrático e rigoroso não acompanhava essas mudanças. Os profissionais começaram a serem vistos como recursos organizacionais que precisavam de administração. Porém, as relações eram totalmente industriais.
Portanto
III. Após 1990, inicia-se a era da informação, onde predomina uma estrutura flexível e totalmente descentralizada. As equipes passam a ser multifuncionais. A partir dessa fase, a cultura organizacional tem o foco na mudança e na inovação, onde são valorizados o conhecimento e a criatividade dos profissionais, que agora são vistos como pessoas proativas, dotadas de inteligências e habilidades que devem ser impulsionadas. Os profissionais se tornam parceiros da organização, mas inseridos num ambiente imprevisível e sujeitos a grandes e intensas mudanças.
A respeito das afirmações, assinale a opção correta:
Somente a afirmativa II está correta, pois as afirmativas I e III contêm informações erradas.
Somente afirmativa I está correta. As afirmativas II e III contêm informações erradas.
Somente afirmativa III está correta. As afirmativas I e II contém informações erradas.
As afirmativas II e III estão corretas, a afirmativa I que contém informações erradas.
As afirmativas I, II e III estão corretas.


1 resposta(s)

User badge image

Iara

Há mais de um mês

.............

.............

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes