A maior rede de estudos do Brasil

Como a acetilcolinesterase age no músculo estriado esquelético?


3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

A Colinesterase é a enzima responsável pela hidrólise (destruição) daacetil-colina.Esta encontra-se presente nas sinapses (terminações nervosas),servindo como mediadoraquímica da transmissão de impulsos nervosos através de fibras pré-ganglionares. Para que exerça sua função corretamente, a acetilcolina, bem como os demais neurotransmissores, deve ser removida ou inativada de acordo com as demandas de tempo para cada resposta sináptica específica pretendida.

Portanto, atua nesse processo a enzima acetilcolinesterase, que catalisa a hidrólise da acetilcolina, liberando colina no líquido extracelular, que pode ser reaproveitada para os processos se síntese neuronais.


 É o único neurotransmissor utilizado no sistema nervoso somático e um dos muitos neurotransmissores do sistema nervoso autônomo (SNA). É também o neurotransmissor de todos os gânglios autônomos. No sistema nervoso somático, a contração muscular ocorre devido à liberação desta substância pelas ramificações do axônio.

Ou seja, a acetilcolinesterase age mantendo a contração tônica no musculo esquelético.
 

A Colinesterase é a enzima responsável pela hidrólise (destruição) daacetil-colina.Esta encontra-se presente nas sinapses (terminações nervosas),servindo como mediadoraquímica da transmissão de impulsos nervosos através de fibras pré-ganglionares. Para que exerça sua função corretamente, a acetilcolina, bem como os demais neurotransmissores, deve ser removida ou inativada de acordo com as demandas de tempo para cada resposta sináptica específica pretendida.

Portanto, atua nesse processo a enzima acetilcolinesterase, que catalisa a hidrólise da acetilcolina, liberando colina no líquido extracelular, que pode ser reaproveitada para os processos se síntese neuronais.


 É o único neurotransmissor utilizado no sistema nervoso somático e um dos muitos neurotransmissores do sistema nervoso autônomo (SNA). É também o neurotransmissor de todos os gânglios autônomos. No sistema nervoso somático, a contração muscular ocorre devido à liberação desta substância pelas ramificações do axônio.

Ou seja, a acetilcolinesterase age mantendo a contração tônica no musculo esquelético.
 

User badge image

Francielen

Há mais de um mês

Aceticolina é uns dos principais neurotransmissores das juncões neuromusculares, os musculos esqueletico que ausiliam na respiracão eles não podem se contrair .
User badge image

Adriely

Há mais de um mês

Ela degrada a Acetilcolina na placa motora, impedindo a contração muscular

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas