A maior rede de estudos do Brasil

quais são os tipos de extinção das obrigações?


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Os principais modos de extinção das obrigações são:

  1. Pagamento direto: A forma normal e mais comum de se extinguir uma obrigação é por meio do pagamento. Assim que a obrigação é cumprida/paga, o devedor é liberado.

  2. Imputação: Quando há mais de uma dívida de mesma natureza com um mesmo credor e o pagamento for inferior à soma das dívidas, cabe ao devedor fazer a imputação, indicando assim qual dívida se está pagando.

  3. Pagamento por consignação: Meio indireto de pagamento mediante depósito judicial ou extra-judicial da prestação.

  4. Sub-rogação: Ocorre quando a dívida de alguém é paga por um terceiro que satisfaz o credor, mas não extingue a dívida nem libera o devedor, tornando-se assim o novo credor. Equivale a uma cessão de crédito.

  5. Dação em pagamento: Dar algo em pagamento, diferente da espécie devida.

  6. Novação: Quando se cria nova obrigação para extinguir a anterior. Ocorre quando se adquire nova dívida com o credor para extinguir a outra, quando novo devedor assume a dívida, ou quando uma obrigação nova leva à substituição do credor.

  7. Compensação: Quando credor e devedor são reciprocamente credores e devedores um do outro, extingue-se as obrigações de acordo com as dimensões dos créditos e débitos.

  8. Remissão: Perdão da dívida do credor. Exige concordância. Extingue a obrigação

  9. Confusão: Quando a mesma pessoa é credora e devedora, extingue-se a obrigação.

Os principais modos de extinção das obrigações são:

  1. Pagamento direto: A forma normal e mais comum de se extinguir uma obrigação é por meio do pagamento. Assim que a obrigação é cumprida/paga, o devedor é liberado.

  2. Imputação: Quando há mais de uma dívida de mesma natureza com um mesmo credor e o pagamento for inferior à soma das dívidas, cabe ao devedor fazer a imputação, indicando assim qual dívida se está pagando.

  3. Pagamento por consignação: Meio indireto de pagamento mediante depósito judicial ou extra-judicial da prestação.

  4. Sub-rogação: Ocorre quando a dívida de alguém é paga por um terceiro que satisfaz o credor, mas não extingue a dívida nem libera o devedor, tornando-se assim o novo credor. Equivale a uma cessão de crédito.

  5. Dação em pagamento: Dar algo em pagamento, diferente da espécie devida.

  6. Novação: Quando se cria nova obrigação para extinguir a anterior. Ocorre quando se adquire nova dívida com o credor para extinguir a outra, quando novo devedor assume a dívida, ou quando uma obrigação nova leva à substituição do credor.

  7. Compensação: Quando credor e devedor são reciprocamente credores e devedores um do outro, extingue-se as obrigações de acordo com as dimensões dos créditos e débitos.

  8. Remissão: Perdão da dívida do credor. Exige concordância. Extingue a obrigação

  9. Confusão: Quando a mesma pessoa é credora e devedora, extingue-se a obrigação.

User badge image

Tauany Salles

Há mais de um mês

Pagamento direto (é a forma normal de se extinguir a obrigação): quitação

Pagamento indireto: consignação em pagamento, pagamento com sub-rogação, imputação do pagamento, dação em pagamento, novação, compensação, confusão e remissão.

User badge image

Andre Smaira

Há mais de um mês

Os principais modos de extinção das obrigações são:

  1. Pagamento direto: A forma normal e mais comum de se extinguir uma obrigação é por meio do pagamento. Assim que a obrigação é cumprida/paga, o devedor é liberado.

  2. Imputação: Quando há mais de uma dívida de mesma natureza com um mesmo credor e o pagamento for inferior à soma das dívidas, cabe ao devedor fazer a imputação, indicando assim qual dívida se está pagando.

  3. Pagamento por consignação: Meio indireto de pagamento mediante depósito judicial ou extra-judicial da prestação.

  4. Sub-rogação: Ocorre quando a dívida de alguém é paga por um terceiro que satisfaz o credor, mas não extingue a dívida nem libera o devedor, tornando-se assim o novo credor. Equivale a uma cessão de crédito.

  5. Dação em pagamento: Dar algo em pagamento, diferente da espécie devida.

  6. Novação: Quando se cria nova obrigação para extinguir a anterior. Ocorre quando se adquire nova dívida com o credor para extinguir a outra, quando novo devedor assume a dívida, ou quando uma obrigação nova leva à substituição do credor.

  7. Compensação: Quando credor e devedor são reciprocamente credores e devedores um do outro, extingue-se as obrigações de acordo com as dimensões dos créditos e débitos.

  8. Remissão: Perdão da dívida do credor. Exige concordância. Extingue a obrigação

  9. Confusão: Quando a mesma pessoa é credora e devedora, extingue-se a obrigação.

User badge image

Andre Smaira

Há mais de um mês

Os principais modos de extinção das obrigações são:

  1. Pagamento direto: A forma normal e mais comum de se extinguir uma obrigação é por meio do pagamento. Assim que a obrigação é cumprida/paga, o devedor é liberado.

  2. Imputação: Quando há mais de uma dívida de mesma natureza com um mesmo credor e o pagamento for inferior à soma das dívidas, cabe ao devedor fazer a imputação, indicando assim qual dívida se está pagando.

  3. Pagamento por consignação: Meio indireto de pagamento mediante depósito judicial ou extra-judicial da prestação.

  4. Sub-rogação: Ocorre quando a dívida de alguém é paga por um terceiro que satisfaz o credor, mas não extingue a dívida nem libera o devedor, tornando-se assim o novo credor. Equivale a uma cessão de crédito.

  5. Dação em pagamento: Dar algo em pagamento, diferente da espécie devida.

  6. Novação: Quando se cria nova obrigação para extinguir a anterior. Ocorre quando se adquire nova dívida com o credor para extinguir a outra, quando novo devedor assume a dívida, ou quando uma obrigação nova leva à substituição do credor.

  7. Compensação: Quando credor e devedor são reciprocamente credores e devedores um do outro, extingue-se as obrigações de acordo com as dimensões dos créditos e débitos.

  8. Remissão: Perdão da dívida do credor. Exige concordância. Extingue a obrigação

  9. Confusão: Quando a mesma pessoa é credora e devedora, extingue-se a obrigação.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas